O melhor do Halloween em Nova York: os cachorros!

ter

Se tem um rolê imperdível para se fazer em Nova York próximo do Halloween, certamente é dar uma passadinha na ‘Tompkins Square Dog Parade. Todo ano, cães espirituosos e donos criativos (ou ao contrário, acredite) se reúnem devidamente fantasiados para um grande encontro nessa praça no Lower East Side.

Além de explodir sua cabeça e redefinir todos os seus conceitos sobre o que é uma fantasia pet, o evento é gratuito e super divertido. Já estive lá e simplesmente foi uma das coisas mais bacanas que já fiz em viagem: simples, fofo e rende altas fotos lindas! As fantasias deste ano estavam ótimas e rolou até momento ‘back to the future’!

halloweendogs1

halloweendogs2

halloweendogs3

halloweendogs4

margdog

algumas das fantasias na dog parade de 2015

Quando estive lá em 2014, aproveitei também para fazer um vídeo mostrando um pouco do que rola além da zoeira e do concurso de melhor fantasia, contei se os cachorros parecem incomodados e como funciona essa festa. Vale o play! Se for pra NY nessa época do ano, já sabe! <3

A coleção de Lethicia Bronstein para Riachuelo

qui

Famosa pelas rendas e vestidos de noiva impecáveis, Lethicia Bronstein agora assina uma coleção mais acessível em parceria com a Riachuelo. O desfile, que acaba de acontecer no São Paulo Fashion Week, já dá o start para as vendas da coleção, que chega entre hoje e amanhã a várias lojas da rede de fast-fashion.  Para quem não acompanhou nos últimos meses, os bastidores da parceria chegaram até a virar ‘reality’ na TV, no seriado “A Estilista”, exibido pela Fox Life.

riachuelo_lethicia2

riachuelo_lethicia

o preview da coleção de Lethicia Bronstein para a Riachuelo

Hoje uma espécie de pré-venda vai rolar na Riachuelo Oscar Freire antes da coleção seguir para as lojas de todo Brasil nesta sexta (23). Só hoje, inclusive, 25 clientes vão poder ter os vestidos desfilados na passarela ajustados sob medida a partir das 18h. O luxo e riqueza fica com preço obviamente acima da média do que chega às lojas: de R$499 a R$599.

Embora não tenha sido divulgado a quantidade de peças, a coleção parece grande, com preços variando entre R$39,90 e R$399,90. São vestidos, calças, blusas, sapatos (!) e jaquetas de renda, sendo que essa aí é a peça em que Lethicia mais aposta para ser sucesso de vendas.

Continue lendo →

Como filtrar as memórias indesejadas do Facebook

qui

Quem nunca abriu as ‘lembranças’ sugeridas pelo Facebook e teve vontade de cair pra trás de raiva, tristeza ou até de auto-inveja ao relembrar o que estava fazendo de mais incrível? Pois bem, não só isso aconteceu comigo mais de uma vez, quanto falei sobre o assunto nesse vídeo aqui:

Para minha surpresa, descobri hoje que há sim um meio muito simples de não deixar o sistema da rede social trabalhar para o mal – mas, para isso, quem vai ter de trabalhar é você. É fato que o Facebook se torna um tanto quanto irritante porque nós também não fazemos bom uso da ferramenta. Damos pano pra manga em discussões desnecessárias, não selecionamos nossos contatos e continuamos seguindo gente que só adicionamos por educação. Bem, se você quiser ver alguma mudança, pelo menos no que diz respeito às memórias, vai precisar fazer alguma coisa, afinal, quem manda é você. Pelo menos por enquanto.

Para restringir o que o sistema pode ter acesso nos próximos anos, basta acessar a página ‘Neste Dia’ (On This Day), clicar em ‘Preferências’ no topo direito e filtrar o que você não quer que apareça mais pra você. É possível escolher datas específicas e também pessoas.

memoria2

memoria1

É rude o Facebook ser incapaz de perceber que você não tem mais nada com aquela pessoa ou que aquele ali no canto da foto faleceu no último ano? Talvez. Mas é mais rude ainda se você não fizer nada para resolver o problema. Ainda são poucas as possibilidades, mas já dá pra aliviar a barra. De nada!

Videogame na moda: Game Boy vira bolsinha fashionista

seg

Ainda fico um pouco intrigada em como a moda explora pouco o universo do videogame. Música, cinema e artes plásticas são referências constantes e inesgotáveis, mas por que não seria a hora de incluir um pouco de diversão eletrônica nisso tudo?

Até hoje, Pac-Man e Space Invaders reinam absolutos como referência do mundo gamer, só que sem nenhum rebuscamento: a gente vê os personagens pura e simplesmente aparecendo impressos em peças variadas, só para dar um ar divertido (e às vezes infantil), mas nunca recebendo aquela reinterpretação mágica que a moda costuma dar para suas outras referências mais antigas.

Com a moda cada vez mais carente de impacto com os consumidores, acredito que é apenas uma questão de tempo para essa indústria dar uma olhadinha com um pouco mais de carinho para o videogame e seus representantes menos ‘old school’. Embora os jogos ainda sejam bem novatos, especialmente se compararmos com música ou pintura, tá aí uma fonte inesgotável de histórias e referências visuais que merece tratamento de gente grande.

Mas eu disse: é só uma questão de tempo! 

thassia_gameboy

Thassia Naves desfilando seu Game Boy na semana de moda em Paris

A marca de acessórios grega Urania Gazelli acaba de lançar uma coleção que usa não só o manjado universo de Pac-Man em suas bolsas, mas também faz uma reconstrução exata de um Game Boy. Sim, o portátil da Nintendo que reinou lindamente nos anos 90 virou uma clutch na coleção “Game Girl”! Quem é que não queria ter um na infância, me conta? (eu não tive, portanto estou chorando com essas imagens)

 

Fiquei apaixonada pela ‘bolsinha’ singela, mesmo sabendo que a coleção ignora totalmente o fato de que Pac-Man e Game Boy são de épocas totalmente diferentes – vamos tolerar só por ver, finalmente, algo mais novinho sendo representado. A clutch deve custar algo entre US$800 e US$1800, média de preços da grife. 

Salgado sim, mas sacou direitinho essa história de inspirar desejo, tanto nas nerds, quanto nas fashionistas que lembram muito bem dos anos 90 e vão ficar suspirando em casa.

Mais alguém se identifica com os dois lados? Eu sim, só me faltam limites no cartão! kkk

imagens: reprodução/Instagram Urania GazelliBlog da Thássia

7 Truques de maquiagem do melhor maquiador do Youtube

qua

Muita gente pode falar sobre maquiagem no Youtube, mas definitivamente só há uma pessoa que vai querer me fazer levantar do computador para tentar uma coisa nova: Wayne Goss. 

waynegoss1

Esse cara não abre caixas de recebidos nem usa milhões de produtos caríssimos que você não pode comprar. Ok, talvez ele até use vez ou outra, mas este definitivamente não é o foco do canal, que já conta com mais de 2 milhões de inscritos. Ao contrário da grande maioria dos youtubers focados em beleza, o britânico tem 15 anos de experiência e não hesita em dizer que certos pinceis de maquiagem são inúteis, se você puder ter um resultado melhor com um kabuki old school, por exemplo. Fora isso, sim, ele testa tudo nele mesmo (raras vezes em modelos).

Entre as milhares de coisas que já aprendi com ele, as técnicas e truques estão em primeiro lugar. Observar a técnica executada num homem facilita bastante a visão do resultado e sem julgamentos, afinal é um fucking cara! Se funcionar nos traços dele, por que não funcionaria pra mim? É bem diferente de tentar aprender alguma coisa feita numa modelo maravilhosa que não precisa de nada além de hidratante e 2 litros de água por dia. Sabem do que eu tô falando, né?

Watch and learn, com um belo sotaque britânico para treinar seu inglês de brinde:  

.

1. o maior erro na hora de aplicar sombra na pálpebra:

Depois de ver esse vídeo, duvido que você vá continuar aplicando sobra com os olhinhos fechados. O maquiador explica direitinho porque podemos poupar tempo e produto indo direto ao ponto e vendo exatamente como o visual vai ficar na vida real, de olhos bem abertos.

2. a rega dos dois dedos para o blush:

Onde começa e onde termina o blush? Em que lugar exato ele deve ficar? A regra dos dois dedos explica tudo facilmente e, de fato, um erro aí pode derrubar o look todo – ou te deixar uns 5 anos mais velha.

3. a sobrancelha e como ela pode mudar seu rosto (e seu nariz!)

Você sempre achou que a sobrancelha deveria começar na direção da base do nariz? Ledo engano, minha cara! Wayne tem novidade pra você: quanto mais próxima a sobrancelha, mais fino seu nariz vai parecer, por exemplo. Isso não é uma busca pela monocelha, mas tenha isso em mente antes de usar uma pinça ou um lápis para corrigir as sobrancelhas e use a seu favor.

4. como afinar ou arrebitar o nariz com maquiagem:

Wayne publicou este vídeo em 2011 e, mesmo já tendo assistido pelo menos umas meia dúzia de vezes, sempre dou uma olhadinha de novo para ver se absorvo mais alguma coisa da técnica que não tenha reparado – vai que? É o melhor vídeo de tutorial que já vi explicando como ‘contornar’ o nariz. Recomendo.

Continue lendo →

Música para treinar #7: minha primeira prova de 10k

qui

Depois de anos encarando a ‘vida saudável’ de frente e de algumas (várias) playlists de treino postadas por aqui, chega a hora de compartilhar a seleção de músicas que vai me acompanhar na minha primeira prova de 10k neste domingo: a etapa São Paulo da Vênus.

Apesar de fazer treinos razoáveis e de já ter concluído uma planilha de preparação para esta distância, só agora vou realmente encarar o desafio com uma medalha me esperando no final. Estou bem ansiosa, como vocês devem imaginar, mas tô tentando me concentrar apenas em concluir a prova bem, sem pensar em tempo, superação ou afins.

playlist10k

hora de pendurar essa medalha no pescoço!

Quem me acompanha nas redes sociais (twitter e snapchat: @feepineda) eventualmente me vê comentando sobre meus treinos e acompanhou a chateação que passei depois de ter minha inscrição para uma prova de 10k cancelada. Foi um mês de preparação intensa jogado na lata do lixo e não teve como não deixar a chateação tomar conta. Perdi duas semanas de treino, mas resolvi encarar este novo desafio quando recebi o convite da Vênus.

Chegou, enfim, a hora de enfrentar o monstro dos 10k de uma vez por todas e calar meu perfeccionismo que tanto me atrapalha. É bem provável que eu NUNCA me sentisse preparada para uma prova mais longa e aposto que eu seria capaz de adiar isso pra sempre – prova desse meu “jeitinho” é eu ter corrido só uma prova de 5k até hoje, mesmo tirando a distância de letra nos meus treinamentos. Como já sei de antemão, domingo a luta não vai ser contra o tempo ou contra qualquer adversário, mas contra a minha própria cabeça.

Se tudo der certo, essas músicas vão ajudar um bocado – e eu espero cruzar a linha de chegada bem antes da playlist terminar. Tem sim muito eletrônico, que é para esse bpm me botar pra frente! Me desejem sorte – e se você for correr também, me conta!