Testei: creme com efeito de Photoshop da La Roche-Posay

sex

Eu nunca achei que fosse escrever estas três palavras juntas na mesma frase: testei, creme e Photoshop. Mas aconteceu: os produtos com efeito blur são o último grito da indústria da beleza e estão já nas prateleiras das farmácias para todos os gostos, embora não para todos os bolsos, devo dizer.

Topei desembolsar quase R$100 numa farmácia para conhecer o Effaclar BB Blur da La Roche-Posay. Já sou consumidora assídua da marca há anos e foi a única que me fez botar fé que entregaria o efeito prometido na caixinha.

Apesar do nome conter “BB”, este não é um bb cream do jeito que você conhece. O produto é um uniformizador antioleosidade com FPS 24 e disfarça poros, linhas de expressão e também esconde vermelhidões na pele. A multifuncionalidade é parecida, mas a maior diferença está na textura.

O produto é bem seco e pastoso e é preciso ter cuidado para não deixar ele simplesmente cair no chão. E certamente você não quer que isso aconteça com um produto que custa quase o preço de uma base da MAC, certo? Certo.

bbcream2

Já tenho usado o BB Blur há um bom tempo e minha forma favorita de aplicar é com os dedos, polindo depois com um pincel chato ou duo fibra. Para o exemplo da foto, espalhei aquela pequeeena quantidade de produto e consegui cobrir quase toda a mão.

O rendimento é ótimo e certamente não é um problema, mas a durabilidade sim. Ok que o BB Blur não é um bb cream, mas quando vemos a pele transformada por ele sem grandes malabarismos, queremos realmente que o efeito dure o maior tempo possível e não é exatamente isso que acontece.

Mesmo segurando bem a oleosidade e ganhando com louvor o título de único ‘bb’ que não me deixou oleosa, o produto começa a desaparecer do rosto umas quatro horas após a aplicação. Apesar de não craquelar, ele sai e vai levando junto os demais produtos que você aplicou por cima. Esquisitíssimo, mas até mesmo o delineador vai dando fade out junto com o efeito blur.

Acredito que isso aconteça porque o produto parece não “aderir” à pele, mas sim repousar sobre ela, formando uma pequena camada, responsável pelo efeito lisinho. Por isso mesmo, pessoas com olheiras muito profundas podem acabar não gostando tanto assim: aplicar corretivo de forma caprichada por cima dessa camadinha pode pesar demais e detonar o efeito natural. Se isso te incomoda, melhor ir de base ou bb cream líquido mesmo.

Tenho gostado de usar o produto para dias tranquilos de trabalho ou situações casuais em que não vou ficar horas na rua, como ir ao cinema por exemplo. Pode ser também uma boa para quem não gosta de fazer exercício físico de cara limpa.

bbcream1

 com o BB Blur e depois com a maquiagem completa

Comic-Con 2015: 13 looks das poderosas no paraíso nerd

qui

Em 2014, as estrelas de sagas destópicas e as atrizes do gigante elenco de “Game of Thrones” foram as grandes responsáveis em levar mulheres para os palcos das conferências da San Diego Comic-Con. Depois de um ano em que mulheres clamaram por mais representatividade e ficamos procurando, afinal, onde a Marvel escondeu os licenciados da Viúva Negra (“Vingadores”) e da Gamorra (“Guardiões da Galáxia”), as coisas parecem estar um pouquinho mais interessantes para o nosso lado – e, sim, os gibis com moças estão vendendo bem, obrigado!

comic_con2015

É claro que ainda é cedo para dizer que todo mundo é bem representado no mundo da cultura pop. Queremos sim mais mulheres, mas também mais negros e mais latinos, por favor. Porém, nada nos impede de comemorar os avanços, especialmente com tantas atrizes incríveis e coisas boas vindo à tona. Podemos aplaudir a Mulher Maravilha, em “Batman vs. Superman”, as três anti-heroínas de “Esquadrão Suicida”,  as poderosas protagonistas das séries “SuperGirl” e “Agent Carter” e, é claro, as moças de “The Walking Dead” e “Game of Thrones”. Fora tudo isso, tem também o super elenco feminino de “X-Men” e do aguardadíssimo “Star Wars”, além do adeus de “Jogos Vorazes” e sua Jennifer Lawrence.

who run the world? girls!

Para “rulear” no evento, as atrizes geralmente apostam naquele estilo que a gente adora ver para se inspirar: arrumadinho, mas com os dois pés na vida real. Às vezes, rola até um tênis, veja só. A beleza também tem ares naturais, sem rebuscar muito no cabelo e na maquiagem. Hora de ver as escolhas de algumas das mulheres mais bombadas da cultura pop atual!

comiccon_jlaw

Jennifer Lawrence para conferência de “Jogos Vorazes”: a atriz falou por Katniss pela última vez na Comic-Con usando este longo preto com recortes no abdome. Estranho, não? Hora de ligar para o stylist e pedir coisas melhores. Mesmo linda de rosto e cabelo, o corpo da atriz ficou perdido nesse vestido sem estrutura. Com tanta lindeza para favorecer, a parte mais “tchans” do traje é no final das costas, com uma leve abertura. Jura?

comiccon_jessicac

Jessica Chastain, para o filme “Crimson Peak”:  poderia atééé ser um look sério demais. Saia de renda e saltão preto para uma Comic-Con? Sei não. Mas aí tem essa manga na blusa, cores harmoniosas e um cintinho delicado e aparecido para marcar a cintura, cabelos soltos. Pá! Adoraria que ela estivesse mais descontraída para um evento assim, mas é inegável que foi uma escolha acertada.

comiccon_katemara

Kate Mara para o filme “Quarteto Fantástico”: Kate consegue levar seu physique de atriz moderninha e sexy também para o figurino que usa em eventos. Embora o vestido pareça um pouco largo nos ombros e peitoral (falta de ajuste, talvez?), combina demais com a atriz e reafirma sua personalidade. Num mercado cheio de mulheres que usam com louvor o cabelão e o peitão, Kate vai na contramão e se destaca com esse quê minimalista.

comiccon_galgadot

Gal Gadot no painel “Woman Who Kick Ass”: a Mulher Maravilha é de fato uma lindeza sem fim! E como fica absurda com os cabelos presos! Gal acertou em cheio nos dois looks que usou para o evento. O pretinho com recortes caiu como uma luva no corpo longilíneo da atriz. A maquiagem elegante e sem exageros foi o complemento mais que perfeito também.

Continue lendo →

[Vídeo] Resenha de produtos terminados: maquiagem, perfume e pele

seg

Não vejo melhor jeito de opinar sobre um produto assim que ele acaba: você usou bastante e sabe bem do que está falando. Por isso mesmo, sempre gostei de ver a opinião das Youtubers cercadas de embalagens vazias! rs Este mês, também acumulei um pouquinho de cacareco em casa para poder gravar o vídeo de hoje, dando minha opinião sobre cosméticos terminados.

Tem maquiagem, perfume e cuidado para a pele de diversas marcas, além de ser uma ótima para quem vai viajar e quer dar uma olhadinha em produtos para comprar lá fora por um preço mais amigável.

Tô contando tudo no vídeo, então dá o play e aproveita para se inscrever no canal também! ;)

Os produtos citados no vídeo:

1. Base: Even Better, Clinique – cor 05: Neutral
2. Primer Magic Perfecting Base, L’Oreal Paris
3. Máscara de cílios Buxom
4. Mousse de limpeza facial Nivea
5. Perfume Boss Jour, de Hugo Boss

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.

Herbal Essences: de volta ao Brasil!

ter

Quando comecei a procurar produtos específicos para o meu cabelo na pré-adolescência, uma das marcas que mais me acompanhou foi Herbal Essences. Lembro de ter usado pela primeira vez ainda criança no chuveiro da minha tia, que tinha trazido aquele shampoo cheiiiroooso dos Estados Unidos, e depois reencontrei a marca quando precisava de algo que desse jeito na juba indomável, que ninguém da família sabia lidar. Ahhh as delícias de ser cacheada numa família de lisas! :P Aprendi a me virar, né?

O valor do Herbal cabia na mesada, o cabelo ficava hidratadinho e cheiroso e, olha, já tava de bom tamanho! Eram poucas as opções sem ser o escovão na época e, que dó, eu ainda não fazia ideia do que era um bom leave-in (e provavelmente, 90% das mulheres brasileiras também não). O cabelo ficava hidratado, cheiroso, brilhante e era isso – a “forma”, bem, só fui me encontrar anos depois e acabei não abrindo mão da química, como vocês sabem.

herbal2

Naked: a linha “leve” de Herbal Essences, para uso diário sem pesar

Depois dessa minha paixonite, a marca deixou o Brasil, mas acaba de anunciar seu retorno! A P&G está trazendo os produtos importados direto para os nossos mercados e farmácias e com preço ainda acessível, mesmo com dólar elevado: sai 23,90 o shampoo ou condicionador.

As prateleiras vão estar recheadas com 7 linhas de produtos, com objetivos bem específicos: Naked Moisture e Naked Shine (produtos livre de resíduos pesados, corantes e parabenos, indicados para uso diário), Long Term Relationship (cuidados para fios longos), Tousle Me Softly (para fios ondulados), Moroccan My Shine (com o também queridinho das brazucas, óleo de argan) e Color Me Happy (cabelos coloridos).  Além disso, há também a linha Hello Hydration, a best-seller de toda América Latina.

tô testando!

No evento de boas vindas da marca ao Brasil, a especialista de Herbal Essences falou bem do queridinho das latinas! Segundo ela, a Hello Hydratation se adequa a todos os tipos de cabelo e garante hidratação perfeita, nem a mais, nem a menos, independentemente do clima. Ela mesma já testou o produto em climas úmidos, de inverno e verão, e também em cidades mais secas e notou o cabelo intacto em todas as situações. Promissor!

herbal1

Hello Hydration: o mais vendido na LatAm!

Recebi um par deste pra testar e, apesar da fragrância não ter sido tão fantástica quanto o que me lembro da fase teenager, senti os fios, digamos, ‘selados’. Quero testar mais, mas é essa a minha sensação: não vi uma explosão de maciez, mas senti que nada poderia abalar o cabelo.

Pelo efeito que senti, imagino que o produto possa ser bacana para quem tem pontas duplas, mesmo não sendo específico para isso. Fora isso, notei um volume bacana e nem sinal de cabelo “mortão” no fim do dia, como acontece quando hidrato em excesso. Até mesmo por isso, estou doidona pra testar o Naked para cabelos mistos/oleosos. Acho que vai ser o ideal para mim, que tenho química e lavo a cabeça quase sempre por conta da rotina de exercícios.

e tem mais novidade: Aussie no Brasil!

A novidade já está espalhada e causou comoção no meu Instagram, mas não custa repetir: a linha moist da Aussie também vai estar, finalmente, à nossa disposição em farmácias, mercados e perfumarias. Cada item vai custar R$39,90 e é o fim da mala lotada de creme (e do lucro absurdo dos muambeiros). Já uso o 3 Minute Miracle de tempos em tempos e falei dele neste vídeo aqui. 

A photo posted by Fernanda Pineda (@loverox) on

Hair Brasil: afinal, o que rola numa feira gigante de beleza?

qua

Esta semana tive a oportunidade de ir pela primeira vez a uma feira (gigantesca!) de beleza, a Hair Brasil! A convite da Ciclo Cosméticos, pude ir até lá para conhecer os produtos da marca e também ver o que rola num grande evento como esse, que recebe gente de todo o país circulando pelos corredores com malas recheadas de compras.

hairbrasil

#beautycraziness!

Eu já tinha ido ao Expo Center Norte em outros eventos, mas nunca tinha visto os pavilhões tão lotados com expositores dessa maneira. Como o lugar fica cheio de marcas incríveis, é preciso ter foco, porque dá para enlouquecer rapidinho com tanta coisa para comprar. É o verdadeiro terror para o consumismo investigativo!

não é só cabelo!

cico1

Apesar do nome, a Hair Brasil não tem só produtos para cabelo. Rola maquiagem, produtos malucos para unhas (que eu nem consegui entender em alguns casos! hehe), um montão de aparelhos estéticos e também produtos para o corpo. O mais legal: muita coisa é made in Brazil e é uma ótima oportunidade para apoiar o mercado nacional.

No stand da Ciclo, conheci os produtos para o corpo de-lí-cia que misturam fragrâncias famosas com embalagens fofas e preços amigos. Meu cheirinho favorito foi o da linha Amore, mas quem foi adolescente nos anos 2000 certamente mataria as saudades do perfume-mania do Thierry Mugler com a linha Angel. O mais legal? Tem até sabonete líquido com a essência! Para quem odeia misturar cheios diferentes no corpo, o kit é um prato cheio.

ciclo2

Continue lendo →

#Instahair: cabelo de Instagram na vida real

qua

As mechas e cabelos inteiros coloridos ganharam muitos adeptos, com cores brilhantes, berrantes e, ultimamente, até mais “lavadas”. Em homenagem a este último grupo e com um nome bem familiar para os viciados em Instagram, a Wella lançou uma coloração semipermanente com efeito “empoeirado”, bem no estilo dos filtros antiguinhos que a gente é viciado!

A Instamatic é uma coloração semi permanente que permite dar nuances diferentes para o cabelo. É tipo, agora dá para ser morena azulada ou loira “rosada” sem precisar virar um Pequeno Pônei para isso.

É possível misturar o produto com a coloração permanente e mais intensa para ter efeitos diferentes ou mais vibrantes, mas para que fazer isso se você pode ter um cabelo castanho Nashville ou Amaro? A aparência é de que a cor está quase indo embora, tom que muita gente se esforça para conseguir, mas logo já fica na hora de retocar de novo.

falando nisso…

Ao contrário do “primo” Unicorn Hair, o Instamatic não deixa o aspecto “cabelo de boneca” e é possível ver que existe uma cor de cabelo “humana” ali ao fundo. Além de achar o efeito mais bonito, acho inclusive mais usável e provavelmente de manutenção mais simples.

Por enquanto, não encontrei nenhum salão que faça o efeito no Brasil, mas provavelmente os oficiais da Wella serão os primeiros a receber a novidade. Com certeza essa tendência tem muito mais chances de pegar por aqui: cabelo com cara de vida real e cor diferente? Aí sim!