É impossível escolher um só: 15 filmes crocantes para assistir na Netflix!

ter

Se você adora fazer uma maratona de Netflix mas fica de bode só de pensar em perder uma hora só para escolher o que assistir, o vídeo de hoje vai resolver o problema para você! Com o feriado chegando, decidi responder a TAG Filmes da Netflix para indicar algumas coisas que ficam escondidas lá no meio do catálogo e a gente até esquece.

Tem drama, comédia, filme de ação e um monte de filme cult para quem quer ~fazer bonito~ na rodinha. rs São oito perguntas separadas por temas, mas me empolguei e acabei indicando 15 filmes diferentes que você pode assistir JÁ!

Dá o play e aproveita para se inscrever no canal  e receber os vídeos primeiro!

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.

 

 

“mãe!”: Este filme não foi feito para você gostar. Mas você deve assistir.

qua

De cara é preciso dizer que “mãe!”, novo filme do diretor de “Cisne Negro” e “Requiem para um Sonho”, é polêmico, intenso e vale a sua ida ao cinema. Mesmo que você deteste do início ao fim. Mesmo que você saia perturbado e urgentemente precisando conversar com alguém – conversas, aliás, são o mínimo que este filme provoca. É cinema para pensar e não para relaxar, tenha você gostado ou não.

No vídeo de hoje, trago a crítica dividida em duas partes (SEM e COM spoilers) desse filme que já é um dos mais comentados do ano e que traz uma Jennifer Lawrence como jamais vimos – na minha opinião, é a primeira vez que não vejo ela numa personagem e sim somente a personagem. Javier Bardem, como sempre, vale o ingresso. “mãe!” é dirigido por Darren Aronofisky e completam o elenco Michelle Pfeifer e Ed Harris.

Dá o play e aproveita para se inscrever no canal  e receber os vídeos primeiro!

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.

 

 

It, a coisa: o filme de terror mais hypado do ano me fez superar o medo e ir ao cinema

qua

“It, A Coisa” é com certeza o filme de terror mais bombado do ano! Uma leva de outros longas do gênero vem invadindo os cinemas toda semana, mas é “It” que vem quebrando vários recordes de bilheteria pelo mundo desde que estreou. Baseado no livro homônimo de Stephen King, o filme de 2017 bebe da mesma fonte que o telefilme dividido em duas partes e lançado em 1990. E agora, 27 anos depois, Pennywise volta para nos assombrar, mas desta vez a trama foca somente na primeira parte, com a experiência das crianças.

Acontece que, se você acompanha este blog/canal, enfim, acompanha esta que vos fala há algum tempo, certamente já sabe que não sou exatamente a maior fã de passar medo. Fujo de brinquedos radicais em parques de diversão, morro de medo de filme de terror e inclusive cheguei a ter uma fase de medo de palhaço na infância… Pois bem: consegui superar tudo isso tamanha era a curiosidade de ver “It” no cinema e no vídeo de hoje conto como foi.

Além do meu relato de bravura feat. coragem, trago também algumas impressões sobre o filme e coisas que passaram pela minha cabeça antes, durante e depois de assistir. Mas desta vez não é uma crítica, até porque, JAMAIS poderia me concentrar em outra coisa além de não berrar (muito) alto no cinema. Risos (estou indo, mas é de nervoso).

Dá o play e aproveita para se inscrever no canal  e receber os vídeos primeiro!

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.

 

 

Atômica: crítica do novo filme #girlpower de Charlize Theron

sex

“Atômica”, novo filme estrelado por Charlize Theron, acaba de chegar aos cinemas e merece ser assistido na tela grande. No filme, a atriz vive uma espiã inglesa trabalhando em Berlim no final da Guerra Fria, bem às vésperas da queda do Muro que separava a cidade. No vídeo de hoje, faço a crítica sem spoilers e conto algumas curiosidades sobre o filme! Além da impecável Charlize, também estão no elenco James Mcavoy (“Fragmentado”), Sofia Boutella (“Kingsman”) e Bill Skarsgård (“Hemlock Groove” e o novo Pennywise de “It”).

Dá o play e aproveita para se inscrever no canal  e receber os vídeos primeiro!

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.

 

 

O Estranho que nós amamos: crítica sem spoilers do novo filme da Sofia Coppola!

qua

Após quatro anos desde o lançamento de “Bling Ring”, a diretora Sofia Coppola está de volta à tela grande. “O Estranho que Nós Amamos” é uma nova adaptação do livro de Thomas Cullinam, que já tinha ganhado uma versão para o cinema em 1971, com Clint Eastwood num dos papeis principais. O filme se passa durante a Guerra Civil americana e mostra o que acontece quando um grupo de mulheres que vive num internato isolado resolve oferecer abrigo para um soldado inimigo machucado.

A diretora Sofia Coppola e parte do elenco no tapete vermelho em Cannes

Nesta nova roupagem proposta por Sofia, somos conduzidos aos fatos pelo ponto de vista das mulheres e terminamos o filme com reflexões importantes sobre sexo e estupro. O filme também rendeu à Coppola o prêmio de melhor direção no Festival de Cannes, algo “quase” inédito no festival, que só pela segunda vez premiou uma diretora em 70 anos de existência. No elenco, a excelente Nicole Kidman e a parceira de longa data Kristen Dunst, além de Colin Farrell e Elle Fanning.

Dá o play para ver a crítica completa! Aproveita e se inscreve no canal  para receber os vídeos primeiro!

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.

 

 

Dicas de cinema: 5 filmes recentes para chorar muito e lavar a alma!

qua

Em homenagem ao longo e demorado mês de Agosto, fiz uma listinha de bons dramas lançados entre 2016 e 2017 e que vão te ajudar a lavar a alma! São filmes como: “La La Land”, “O Quarto de Jack”, “Uma Família de 2”, “Lion” e mais!

Dá o play e separa o lenço! Aproveita e se inscreve no canal  para receber os vídeos primeiro!

Para ver outros vídeos já publicados, clique aqui.