Eu testei: pulseira inteligente Mi Band da Xiaomi

ter

Adoraria começar este texto fazendo uma excelente apresentação do meu know how com gadgets de saúde e fitness, mas a verdade é que tenho pouquíssima experiência no ramo. Não por culpa minha, que fique claro, a culpa é dos preços absurdos desse tipo de produto e daquela incerteza constante de que vão cumprir o que prometem depois de tanto investimento.

Já ‘paquerei’ diversos itens por aí e, tirando uma boa balança digital, só utilizei mesmo o chip de passadas da Nike, que ficava dentro do tênis.  A empresa aposentou a tecnologia e, para a minha surpresa, na mesma semana recebi a tal da Mi Band, que a Xiaomi acaba de trazer para o Brasil. E a surpresa foi dupla: ela custa (apenas) R$95 e não só mede os passos do usuário e estima as calorias gastas, quanto também dá reports sobre a qualidade do sono.

miband1

a Mi Band disponível no Brasil, com pulseira de silicone preta

A Mi Band vem numa caixinha discreta, com o sensor separado da pulseira, e com um pequeno carregador USB que pode ser plugado no seu computador ou em qualquer outra tomada USB que você já tenha. A carga da bateria, aliás, pode durar cerca de um mês (!) e todos os materiais são leves e resistentes à água – o fabricante garante até 1m de imersão por 30min. A ideia, afinal, é que você não a tire do braço e o seu banho não fará mal nenhum para o material.

A pulseira vai te acompanhar em tudo ao longo do dia: uma pequena caminhada até o banheiro, o passeio no shopping, o rolêzinho na hora do almoço. Quando quiser sincronizar para ver a quantas está o seu progresso, é só ligar o bluetooth do celular e entrar no aplicativo dela, o MiFit. Lá ficarão armazenadas todas as suas informações, inclusive sobre o sono – e juro que não incomoda pra dormir!

miband3

reports de passos e sono – e, ops, domingo eu tirei a pulseira por algum motivo, olha que feio no gráfico!

análise do sono: como assim?

Quando abri a minha Mi Band, me imaginei loucona nos treinos com ela, mas a verdade é que ela me ganhou com uma outra função muito, muito simples, porém complexa para sonolentos como eu: o despertador. A pulseira e o app se comunicam para uma espécie de ‘alarme inteligente’, que começa a observar como está o seu sono até 30 minutos antes do horário programado para acordar. Desta maneira, a pulseira vai vibrando aos pouquinhos para que você desperte de forma leve, não dando um pulo na cama irritado (minha vida, meu clube, aí dorme de volta e acorda dali 40 minutos atrasadérrima). 

Não sei quão precisa é a medição da pulseira sobre sono leve e profundo, mas na prática do acordar funciona e é simplesmente incrível levantar sem nenhum som irritante, em silêncio. Ela vibra bem forte no braço e, acreditem se quiser!, se você pega no sono de novo, ela vibra novamente para você sair da cama. Eu realmente estou apaixonada pela função, porque desde que comecei a usar, nunca mais perdi a hora de manhã e era algo bem sério pra mim. Não usei nunca para tirar cochilos à tarde, mas me parece uma ótima alternativa para não cair naquele sono pesado horroroso que mais atrapalha do que ajuda.

análise dos treinos: funciona?

Logo que entramos pela primeira vez no aplicativo MiFit, colocamos nossa meta de passos (8 mil por dia é o recomendável para sair do sedentarismo) e preenchemos com nosso sexo, peso e altura, de forma que o aplicativo possa fornecer uma expectativa de calorias queimadas ao longo do dia. Dá para colocar metas até de perda de peso, se esse for seu objetivo. Agora, se vai funcionar, é outra história…

A estimativa de calorias é muito interessante mesmo, só assim pra eu notar que perco 30 calorias andando até o restaurante do almoço, por exemplo. Mas ao mesmo tempo a queima calórica depende única e exclusivamente do seu batimento cardíaco, coisa que a pulseira não mede, e pode variar mesmo para pessoas com sexo, idade, peso e altura iguais. Exemplo simples: uma corrida contínua queima menos calorias do que uma corrida que envolva tiro e recuperação – no final, a média de velocidade é a mesma, mas a situação dos indivíduos vai ser bem diferente.

Infelizmente, também há alguma confusão com o sensor em determinados momentos, como quando estamos executando movimentos complexos, que envolvam braço e perna, por exemplo. Já aconteceu da pulseira ficar confusa quando vario muito a velocidade na esteira ou confundir movimentos de braço loucos da musculação com passos sendo dados. Dançar, então, é bem problemático e pode confundir bastante suas medições do dia.

miband0

Confusão: segundo a Mi Band corri 3k, já no app da Nike, na esteira e no meu batimento cardíaco…

Em resumo: não é o aparelho para quem quer precisão para medir os avanços no treino, observar como vai seu ritmo, velocidade e afins. Simplesmente não vai adiantar para isso e é o caso de investir num produto mais específico, utilizar apps de corrida com GPS ou contar com a ajuda das medições da esteira, mesmo.

A pulseira, no entanto, é uma excelente aliada no cotidiano e pode ser bem interessante para pessoas que gostariam de se exercitar (ou precisam) e ainda não encontram tempo. Com a pulseira no braço, dá tranquilamente para descer do ônibus um ou dois pontos antes para cumprir a meta de passos do dia. Certamente ao final do mês fará diferença!

e pra fechar fazendo um pedido:

miband2

pulseirinhas diferentes: please come to Brazil

Com uma googlada rápida, dá pra ver também que a marca tem diversas opções de pulseiras diferentes no exterior, inclusive de couro. Basta saber se também vamos receber aqui no Brasil – algo que, vamos combinar, pode ser bem interessante, mesmo extrapolando os 95 reais. Uma tira de silicone preto é pau pra toda obra, mas não só pode se tornar bem sem graça quanto não combina em nada com alguns visuais mais formais. Aguardando ansiosamente!

  miband4

que lindeza!

Comentários via Facebook

12 comentários

  1. Fefa

    Estava louca por esse post aqui no blog, desde que vi você falando da pulseira no Snapchat.
    Fiquei bastante curiosa, principalmente com essa função do sono.
    Só faltou uma coisinha, Fê: onde você comprou?
    Natal está aí, sabe como é… (:

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      Oi Fe! :D
      Como falei no texto, eu recebi a pulseira para testar. Agora já está à venda exclusivamente na loja online deles: http://br.mi.com/Pulseira-Inteligente-Mi-Band ^^

      Responder
  2. Tamara

    Eu ando namorando essa pulseira e agora depois do seu review super completo quero mais ainda. Acho só que vou esperar pela versão nova que tem monitor cardíaco *-*

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      Então, Tamara, fiquei sabendo disso logo após publicar a review! Não informaram nada ainda sobre esse modelo vir para o Brasil, mas certamente será muito mais interessante para quem visa o lado fitness da coisa. rs Eu que treino aproveitaria muito mais – mesmo que o sistema de medição dos passos continuasse não muito preciso para treinos de corrida, poderia medir meu gasto calórico ao longo do dia. ^^

      Responder
  3. Cinthya

    Vim do snapchat também! Hahah onde compro essa belezinha?

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      Oi Cinthya! Está à venda no site da marca: http://br.mi.com/Pulseira-Inteligente-Mi-Band

      Responder
  4. Paula

    Já tinha visto ela no seu pulso no snap e até tava pra te perguntar… mas acho que vou esperar um pouco pela nova versão com monitor de batimentos.

    Responder
  5. André

    Olá, muito legal seu review. Uma dúvida, o Mi Band também mede quando a pessoa anda de bicicleta? Ou é apenas caminhada e corrida?

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      Oi André! ela só mede passos, não a distância pelo GPS. ;)

      Responder
  6. Li Garone

    Mais uma do snapchat… haha tava aguardando seu review pra ver se compro de natal ou não pra mim! To desejando muito principalmente pela função do sono e passadas <3

    Responder
  7. Márcio Luís

    Fê, você já chegou a usar o Google Fit?
    Sei que vc é usuária do sistema iOS, e obviamente Google Fit é Android…
    Mas sendo você uma pessoa que preza pela boa saúde, não conhece alguém que já tenha usado? Que saiba se ele realmente é uma boa?!
    Um bjo pra vc, e parabéns pelo post! :)

    Responder
  8. Chell

    Tenho uma Nike Fuel Band e sou apaixonada nela, mesmo não funcionando 100% e não sendo super precisa, acho que estimula a pessoa a se mexer o que é super válido =D

    A minha só não tem a função despertador, mas fiquei querendo uma dessa. =O

    Responder

Deixe seu comentário