Aplicativo transforma iPhone em câmera descartável

ter

Calma: não é que você vá jogar seu celular pela janela logo que acabar o filme. Na verdade, o aplicativo quer mesmo é incentivar todo mundo a imprimir suas fotos mantendo o mistério de não poder corrigí-las ou olhar como ficou. Resumindo? Eles são mais um querendo trazer a surpresa da câmera de filme de volta.

belos prints de cliques feitos com o Disposable Camera

A ideia do app Disposable Camera não é exatamente nova, uma vez que já passamos por vários flashbacks de câmeras analógicas e até de câmeras instantâneas, que viraram modinha. O grande lance aqui é que o investimento é menor para o usuário, o aplicativo vai no celular e não vira um trambolho extra para carregar, e, por fim, mas não menos importante, é uma mão na roda para os preguiçosos.

O app manda suas fotos para impressão automaticamente e você só precisa esperar o envelope chegar na porta da sua casa. Ah sim: as fotos vêm num papel boníssimo.

A brincadeira é dos caras da lojinha maravilhosa Photojojo e custa $12,99 a cada 27 cliques. Por enquanto, só está disponível para quem mora nos Estados Unidos. Please come to Brazil? :'( 

A emojização continua: teclado vai fazer os desenhos dominarem o mundo

qui

A linguagem universal do Emoji já levou a melhor em 2014, quando o “coraçãozinho” foi a palavra mais publicada do ano nas redes sociais. Agora vai é ficar pequeno para qualquer outra palavra normal bater esse recorde!

tecladoemoji

Diga olar para esta maravilhosa capa de teclado de emoji!

Os desenvolvedores da Disk Cactus estão caprichando para transformar seu teclado numa máquina de emojis. Com um software e uma capa de silicone, você vai poder digitar todas as mensagens sem sentido do whatsapp agora num e-mail de trabalho (tomara que isso não aconteça, aliás). Apertando o caps lock, os desenhos vêm e vão para sua alegria e nossa diversão. Coraçãozinho + rezando + chorando de felicidade!

O projeto entrou não faz muito tempo no Kickstarter e já é um sucesso. As primeiras cotas ao custo de US$10 esgotaram e agora, para poder adquirir o produto, é preciso pagar US$15. De qualquer jeito, taí uma bugiganga que eu queria ter, se brasileiros pudessem apoiar a causa nobre.

Seria tuuuudo com a desculpa, claro!, de proteger o teclado do meu notebook. <3

emoji

E se a história de “Frozen” fosse contada por emojis?

sáb

“Frozen” chegou aos cinemas há mais de um ano e ainda assim continua uma febre entre jovens e crianças. “Let it go” virou um hino e as irmãs princesas que se amam são heroínas finalmente respeitadas pela mulherada que quer ver mais sororidade nas novas gerações.

Para continuar surfando o hype, a própria Disney lançou em seu canal oficial uma animação que mostra como seria a história do filme contada por emojis na telinha de um celular – com duração apenas de dois minutos, para alívio dos papais e mamães que precisam ficar vendo o mesmo longa 300 vezes seguidas junto com as crianças. hehe

É uma COISA de tão fofo! Dá o play:

E “Let it go” versão midi? <3 kkk Pra mim só faltou uma selfie de final feliz!

Atualização vai trazer emojis novos e diversificados!

ter

Ninguém mais se expressa na Internet sem emojis. Há inclusive pessoas que conseguem se comunicar única e exclusivamente com carinhas. Essas criaturas vão, sem dúvida, amar a novidade!

emoji

Uma grande atualização está vindo para os Emojis em março e eles finalmente vão ganhar variedades de tons de pele. Todos, SIM, todos!, os desenhos que representam humanos vão ter variações de cor e tom de pele. Para ativar, basta tocar no desenho e segurar para ver as opções. Outros emojis, como os de família, também ganharam um update simpático que deve agradar os casais gays! <3

emoji2

O tecladinho também ganha adições legais, como o relógio em formato de Apple Watch e mais bandeiras de países, incluindo a do Brasil. Tudo isso só foi possível graçar a uma atualização geral do Unicode, linguagem que torna possível que os desenhinhos sejam vistos de forma universal online.

emoji3

BRASIL SIL SIL

Como eu malho em casa usando o videogame

qui

Quando digo que os exercícios são parte impreterível e inadiável da minha rotina, logo as pessoas me perguntam: “mas como você conseguiu disciplina?” ou “não te enjoa ir sempre à academia?” E é claro que as duas perguntas fazem todo sentido, principalmente para quem ainda está tentando mudar seus hábitos.

Para mim, a disciplina só veio com frequência, repetição e resultados – e o enjôo, ah, o enjôo! Ele acontece, sim! Mas não significa que você precisa deixá-lo tomar conta até se tornar insuportável. Para isso, basta variar o treino e, principalmente!, onde e com quem você treina.

Uma das minhas “cartas” na manga para quando estou sem tempo ou dei aquela bodeada da academia é usar o meu videogame não só como entretenimento, mas também como um “personal”. Com os inúmeros programas do “Xbox Fitness”, os treinos do “Zumba World Party” ou sequências de “Just Dance” dá para queimar muita caloria e até fazer exercícios localizados.

insidexbox

Gravando para o “Inside Xbox” na 8 Academia, onde treino toda semana

Conto isso (e muito mais) no “Inside Xbox” que foi ao ar esta semana. Para quem não conhece ainda, o programa mostra sempre o que está rolando de mais legal para o console da Microsoft e, como é verão, não tinha melhor época para falar de games para quem quer emagrecer ou manter a forma usando o Kinect.

Ao lado da Thaís e do Nelson, os queridos que comandam o show dos caixistas, falei sobre minhas preferências e também expliquei um pouco do que sei sobre cada tipo de treino que podemos encontrar nos jogos.

Essa provavelmente vai ser a única oportunidade de me ver agachando sem careta e fazendo flexão sorrindo! kkk Dá o play! 

Figurino e maquiagem: o que você não sabia sobre os bastidores de “Just Dance”

ter

Enquanto os vídeos de making of da maioria dos games se resume a muitos programadores sentados em uma sala ou imagens repetitivas sobre a tecnologia de captura de movimentos, “Just Dance” mostra que tem tudo isso e mais um pouco.

justdance

– que tal dançar de panda com vestido de gala? 

É claro que você já imagina que alguém precisou criar as coreografias e alguém precisou dançá-las perfeitamente, mas o jogo precisa de muito mais que isso. A produtora Ubisoft está liberando pequenos documentários sobre a edição deste ano e, pasmem!, um dos grandes trabalhos da equipe é cuidar do figurino e maquiagem de cada um dos dançarinos e personagens envolvidos nos clipes.

No vídeo, o diretor criativo explica justamente porque é tão legal trabalhar com gente diferente, profissionais que, geralmente, estão fora da indústria dos games. De fato: poucas vezes vimos croquis virarem roupas de verdade e depois virarem parte de um jogo! É tudo pensado para proporcionar magia visual enquanto você acompanha os passos na tela.

Não é sensacional saber que todos estes figurinos doidos de fato existiram na vida real? E que alguém de fato conseguiu dançar de forma profissional usando todos eles? Eu acho! hahaha