Youpix, Mistura Fina e…. finalmente formada! – Imagens da Semana

qui

Atrasada, mas… Não vou mais atrasar, porque finalmente me formei! Isssá!

MISTURA FINA

@mistura fina

Live painting: Audrey Hepburn e Eva Mendes

Lembram do evento que eu disse que ia? Pois o Mistura Fina foi demais! Realmente rolou uma boa mistura, com boa música (bom DJ e boas bandas!), lojinhas recheadas de coisas lindas e comidinhas deliciosas. Comprei um biquini  incrível e confortável da Lilá pela pechincha de R$50,00  e uma camisa da Santa Zi xadrez super fofa.

Para finalizar o dia, eu e o Rafa ainda comemos temaki, assistimos o live painting que você confere aí na foto e fechamos com um cineminha. Vi “Abraços Partidos” do Almodóvar do meu coração e vou escrever com certeza sobre ele.

YOUPIX

ahn… e pra vocês, qual o futuro das celebridades no Twitter?

Fui no Youpix ser agitadora, dei risada, fiz pergunta (é, tava fazendo aí na foto) e revi pessoas especiais, além de finalmente ter conhecido a Bia Granja. E, enfim, claro que no fim da noite eu e o Rafa (aí na foto comigo) fomos comer alguma bobagem, tipo cheeseburguer com bleu cheese e batatas com bacon.  Ogrices, claro.

FORMADA!

apresentação do tcc

eu, com cara de nada, ouvindo os comentários da banca (!)

É claro que eu tinha que falar né? Acabou todo o martírio! Eu já tinha terminado o tcc, mas faltava a preparação para a banca, falar com as pessoas, terminar os trabalhos do bimestre e… Sim, acabei tu-do! E, se importa a alguém, me formei com louvor: nota dez no meu histórico escolar.

Fiz um programa de rádio projetado para a Oi FM e, embora eu tenha gostado do resultado e tenha recebido nota máxima, rolaram muitas críticas, o que não me deixa muito segura para mostrar o trabalho na internet. Portanto, se alguém ficar curioso para ouvir o meu programa, peça com carinho. Quem sabe…

Continue lendo →

Feriado, open bar de Magnum, TCC, DJ Hero e presentinho! – Imagens da Semana

qui

A-ha! Dizia a lenda que o “Imagens…” seria todas as segundas. Com o tempo, a lenda mudou para a terça-feira, afinal, nem sempre as fotos do fim de semana já estão à disposição na segunda, não é mesmo?

Só que de repente percebeu-se que o mais legal era postar na quarta-feira, aí já quebrava essa coisa de mostrar só o final de semana e dava para incluir coisas super recentes que ficariam só para a outra semana… Mas, com a correria, acidentes acontecem e estou eu aqui,  em plena quinta, com muita coisa pra mostrar!

FERIADO

feriado @Toque Toque

eu e o Rafa. Sim, ele vai aparecer muito por aqui também! <3

Eu não sou a maior fã de praia e muito menos louca para “retocar o bronzeado” ou tirar a brancura, simplesmente porque sou morena de sangue e as tais “marquinhas” tão aí o ano inteiro. Ui!  Mas, digamos que com toda essa correria, eu simplesmente desejei areia quente nos pés como se não houvesse amanhã.

No feriado, nós dois e uma tchurmona fomos para Toque-toque  na casa de um dos amigos do Rafa e nos jogamos loucamente sob o sol de 50ºC. Mentira. Mas que parecia 50, parecia – e mais fotos no flickr, com direito a pôr do sol cinematográfico.

MAGNUM

party - Magnum On Stage

open bar de champagne e Magnum? Tô dentro!

Em plena terça tive a oportunidade de ir a uma festa onde eu poderia desfrutar de champagne à la vontê e entupir-me de Magnum acompanhada de meu digníssimo boyfriend e na presença de celebridades, além de um show exclusivo de dona Preta Gil, simpaticíssima.  Só digo uma coisa: su-ces-so. Magnum de avelã é vida no palito! E tem mais foto…

DJ HERO


“Boom Boom Pow”, do Black Eyed Peas, mixado com “Satisfaction”, do Benny Benassi

Vocês já devem ter ouvido ou lido  sobre o novo game “DJ Hero”, que é basicamente o “Guitar Hero” no formato “pick-up”. Além de mixar as músicas, você tem que ter dedos rápidos para mandar bem no jogo, como já era de se imaginar! E, claro, eu vi tudo isso aí sendo testado aqui no estúdio da TV UOL (eu trabalho no UOL, para quem não sabe!).

Meu nerd interior gritou ao ver o jogo sendo instalado e eu fui lá correndo tirar fotos. Infelizmente não deu para jogar porque eu tinha mil e um afazeres, mas observei a galera jogando e parece bem divertido, até porque dá pra misturar guitarra com pick up! Legal, né? Dá uma olhada nos vídeos de análise do game aqui!

Continue lendo →

Meu programa de velha favorito, presentes, Hannah idiana e Coquelux – Imagens da Semana

qua

Eu sou mesmo uma bobinha. Sempre que saio e faço coisas realmente legais largo as câmeras em casa, ou simplesmente esqueço de carregar as baterias (o que aconteceu neste fim de semana e no outro). Preciso realmente trabalhar melhor minha memória. Vou deixar registrado isso aqui, porque se eu fizer uma “nota mental”, esqueço. ;D

MEU PROGRAMA DE VELHA FAVORITO

Eu sei que existem algumas casas de churros bem legais em São Paulo, mas como eu simplesmente não conheço nenhuma e só encaro churros de barraca fora da cidade grande (não me pergunte porque!), eu sou vidrada nos mini-churros do Fran’s Café.

Para combater o sono e conseguir ler meu livro de economia e comunicação para o TCC, só indo lá mesmo. Não me levem a mal, o livro é bacana, mas o sono não é nada bacana. A foto é de quando eu já tinha tomado boa parte do caapuccino e devorado quase todos os mini-churros, que não vem recheados, você é quem mergulha no doce de leite. No minimo gostosinho, vai?


COMPRA NO COQUELUX

Finalmente comprei no Coquelux, um dos primeiros outlets online que surgiram no Brasil. A  bolsa da Nike foi uma pechincha e chegou super rápido, ao contrário do Privalia, onde eu já tinha comprado uma vez (e comprei de novo!) e sempre demora. Se alguém quiser convite para algum dos sites, ou para o Brandsclub ou para o Superexclusivo, deixa o e-mail nos comentários que eu convido, tá?


KODAK ZX1

Eu simplesmente ganhei o melhor presente que um aficcionado por vídeos poderia ganhar um mês antes de seu aniversário: uma filmadora HD super portátil, a Kodak ZX1. Eu ainda não gravei nada muito elaborado por falta de tempo, mas corri pela casa atrás da gata e posso dizer de cara que esta câmera tem uma estabilidade de imagem absurda.

Considerando que é uma filmadora pequena (do tamanho de um celular), isso se faz necessário. Imagina uma câmera filmando em HD com tudo tremido porque sua mão não é lá tão firme? Pois é. Também achei ótimo ela pode ser colocada no tripé. Aguardem mais detalhes! (e surpresas… )


DESAFIO 10 +

Recebi hoje uma caixona da Seda com toda a linha de Reconstrução Estrtutural – Designed by Professionals. Tem shampoo, condicionador, creme leave-in, tratamento intensivo e, o que me surpreendeu, tratamento noturno. Mas, vamos ao que interessa: a idéia é transformar meus cabelos em 10 dias usando a linha completa. Será que vai funcionar? Testo, conto e, se rolar, paro de comprar shampoo caro. É triste ver dinheiro indo pelo ralo junto com a espuma!


HANNAH, A INDIANA

Em homenagem ao término da novela, fecho com a foto da Hannah de terceiro olho à la Juliana Paes na volta do pet shop na outra semana. Só não mordi a coitada esse dia porque ela é muito peluda. 8)

Esta sou (quase) eu:

dom

via tumblr

Para eu me tornar esta loira, só é preciso seguir cinco simples passos:

1. Troque o cabelo loiro pelo meu castanho ondulado;
2. troque a máquina de escrever preta por um Dell desktop;
3. troque os papéis amassados por pen drives cheios de arquivos .wav e .mp3;
4. tire esse globo de cima da mesa e coloque caixinhas de som;
5. insira a pasta “#TCC” dentro dos pen drives.

Não foi  nada proposital ter dois posts seguidos com o tema “faculdade”, eu simplesmente vi um calendário e datas com as quais eu não contava. Shit (!)

.
ps:
se você não tiver um convite realmente interessante, por favor não me faça propostas tentadoras de saídas aleatórias até novembro. Grata.

Cásper Líbero: 4 anos, os saldos, as saudades.

qui

romeus e julietas

durante gravação em maio no Ibirapuera

Faltando quase um mês para a entrega de meu TCC, resolvi por na balança o que a faculdade me trouxe. Não estou falando de conhecimento,  nem de contatos,  muito menos de aulas chatas e minutos mal dormidos em cadeiras de um braço só desconfortáveis e bambas.

Estou falando do que a instituição faculdade te traz. Os amigos, um trote, uma briga em grupo, meia dúzia de desafetos, interação com outros cursos, paixões platônicas por professores e festas tão cheias de esbórnia que te fazem querer se enfiar embaixo da terra tão logo amanhecer a segunda-feira.

Entrei na faculdade cedo, com 17, e desta lista toda, vivi poucas, mas vivi outras coisas também. E talvez se eu entrasse na faculdade novamente, teria me jogado muito mais em alguns aspectos e deixado pra lá aqueles debates polêmicos de bixete achando que sabe alguma coisa. Não, eu não sabia de nada. Provavelmente ainda não sei, mas sabia menos ainda antes.

Algumas noites de sono não foram boas, outras foram tão boas que eu quis mais no meio da aula – o que fez a Lari praticamente criar um álbum com fotos de Fernanda dormindo com N cabelos diferentes (é verdade. Se um dia ela liberar as fotos todas, eu mostro as menos piores ou as com menos baba).

Alguns amigos vão ficar pra sempre, outros certamente vão passar e, como dizem, tem quem você mal conversava que vai virar uma pessoa mais que próxima. Isso ainda não sei, mas dos outros dois fatos, já tenho certeza.

Devo à faculdade ter aprendido a tomar cerveja com gosto, a(s) minha(s) primeira(s) bebedeira(s) e o certificado de graduação em armar barracas e desmontá-las depois na metade do tempo e com um quinto da disposição. Tudo graças ao JUCA e, em outros casos, a qualquer jogo do qual sua faculdade participe.

Aprendi que não se aprende por osmose, que não vão te cobrar jamais e que é bem possível fazer metade das provas sem estudar quando o estágio pegar pesado. Ao contrário da escola, ninguém torce para que você se dê bem, ninguém vai te chamar para conversar. Eles torcem para você se destacar.

E para se destacar, só depende de você.

Fico feliz de sair sendo reconhecida por nome e sobrenome pela maior parte dos “mestres”, coisa que no colegial jamais aconteceu durante três anos por eu não ser nerd o suficiente em química ou física, mas  ao menos  fui querida para os professores de humanas, porque eram essas notas que sempre me garantiam boa colocação na escola.

Não dou à faculdade o maior crédito pela prática de minha profissão, porque aprendi na prática: trabalhando, ralando e chorando com produções que caíam. Dou o crédito pelo conhecimento de causa, pela segurança de falar: faz assim, faz assado e tá errado. Dou crédito por notar, em plena conversa de bar, que posso falar sobre manipulação de informação com a mesma facilidade com que falo de planos de câmera, edição, trilha sonora e sobre como aquele ator é gato demais da conta.

Na verdade, o que aprendi na prática não foi a me comunicar, mas sim que devemos nos comunicar. Se está errado, fale.  Se não concorda, fale.  Se tiver que comprar briga, compre.  Se for lavar roupa suja, lave o cesto inteiro. Respire fundo e recomece. Todos vamos trabalhar em grupo e o modus operandi de um grupo também têm altos e baixos, também precisa morrer pra renascer com a idéia nova genial que vai dar aquele prêmio tão sonhado para cinco amigos sem um puto no bolso.

Se eu entrasse na faculdade hoje de novo (ou se eu entrar mais pra frente), vou me envolver mais, vou procurar mais, vou cobrar de quem está lá para me formar antes que eu me forme. Mas isso é só um “se”: o fato é que está terminando e a saudade aperta antes do tempo.

Aperta forte, aperta fundo, transborda meus olhos e eu nunca quis tanto que o tempo parasse para eu reviver melhor algumas coisas quanto agora.

Obrigada, Cásper.

Presentes, festa e fantasia – Imagens da Semana

ter

Hoje ficou faltando fotografar algumas coisas e incluir fotos de outras, mas vai ficar para semana que vem, senão eu não ia conseguir postar nunca! :)


PRESENTES

.
Cheguei em casa e uma master blaster caixona estava lá, me esperando. Abri e encontrei uma bota montaria incrível e quentinha da Cravo e Canela, que fica mais bonita vestindo do que olhando, pimentonas dedo de moça, muuuitas caixinhas de fósforo, uma Smirnoff Ice e uma Baby Chandon (!). Fora isso, umas 20 camisinhas que eu não sei ainda como usar. Usar eu sei, colocar eu sei, o problema é bem outro e vocês sabem também. hehe 8)

Mas, vamos falar do que interessa: a proposta desse kit todo é esquentar profundamente o meu finzinho de inverno e o seu também! Quem gostou e quer ganhar presente, é só acessar o hotsite da marca e ler todas as informações para participar de uma promoção. Mas já adianto que é bem fácil: você só tem que criar looks completos bem bonitões de acordo com o que é pedido no vídeo da semana.  Gostou? Vai lá!

.

A Trident estava (estava, porque os testes já foram feitos!) procurando o primeiro trip streamer do mundo. Um cara ou uma menina dispostos a passar 20 dias fora de casa e viajar por sete países em busca dos pontos de “splash” mais incríveis do mundo. Genial, não?

Recebi um pacotinho pelo correio com uma sunguinha e chicletes gostosos pois eles acharam que eu deveria me inscrever. E eu também achei que eu deveria! Afinal de contas, eu simplesmente amo viajar! Mas, veja só, né? Tenho um TCC pela frente e passar 20 dias fora seria suicídio, mesmo que para isso eu ganhasse R$5 mil reais (!).

Só posso dizer que seja lá quem for o escolhido, trate de fazer um bom trabalho para matar todos nós de inveja. E se você quer acompanhar de perto tudo o que eles estão bolando, vai no 7 Splashs!

(e semana que vem eu conto da caixinha que eu recebi do Deus Google, desde que eu tenha coordenação motora suficiente para isso. Vocês vão entender! ;) )

.

FESTA I: Hair Fashion Show

Hair Fashion Show 26/08/2009

alguém importante da Koleston, Débora Secco e Ana Furtado

Sobre essa festa você já sabe, não sabe? Então se não souber, cliquem aqui! E veja as fotos aqui. ;)

.

FESTA II: Pororoca – A Tradicional festa à fantasia da Cásper

lady gaga para a pororoca

fiquei reta a noite toda para não acontecer isso aí.8)

Sábado eu agradeci ao cosmos pela invenção do insulfilm, já que enfiei as meninas no carro e fomos todas devidamente montadas para a festa à fantasia da faculdade (e eu no voltante, segurando a peruca). Para quem não entendeu, isso aí sou eu de Lady Gaga, com direito à cílios postiços, a cabelos loiros e longos e ao anonimato por uma noite, já que até amigos não me reconheceram (!). Sim, ao ponto de darem “oi” para a minha amiga e ignorarem a loira logo ali atrás.

Tirando o fato de que eu morri de vergonha para descer do carro, isso tudo logo passou e foi mega divertido as bees e a galera me reconhecendo e falando: “olha a Lady Gaga!”. Sem contar que, pela primeira vez, não vi ninguém com a mesma fantasia que eu no lugar. Foto de corpo inteiro também tem – e não, eu não fui de maiô. 8) Vê lá no flickr!

ps: antes que me perguntem, a peruca linda eu comprei na 25 de Março e o resto das roupas são minhas. O vestido eu ganhei de presente, afinal eu nunca compraria isso para usar no dia-a-dia em sã consciência! hehe