A Cobertura da Semana Polêmica

ter

@ SPFW Verão 2011

quem pode ver?

Todo São Paulo Fashion Week levanta uma polêmica. Parece que cada edição traz uma lista de motivos diferentes para amar ou odiar o evento. No inverno, as modelos estão magérrimas; no verão, são celebridades de menos para repórteres sedentos demais; em ambas as estações, é o público cada vez maior e cada vez menos democrático, já que não basta entrar na Bienal se nem um convitinho para lounge você tiver na manga.

Dizem os fashionistas que para sentir o evento e respirar moda, basta circular pelos corredores por ali. As modelos, os famosos, os estilosos, os hipsters, as patricinhas e até quem teve de revirar o armário para encontrar algo digno estão ali, formando uma confusão de mensagens que só é decodificada pelos especializados – ou pelos olhinhos apurados da mídia independente que tem roubado o público cativo de muito diplomado.

Talvez esta seja a questão desta edição de inverno: a cobertura. Quem pode olhar? Quem pode falar alguma coisa? E, aliás, quem é mais relevante? A moda em si ficou um pouquinho para depois, com tantas celebridades gringas dando pinta em meio à desorganização das assessorias das grifes.

Li não um, não dois, mas vários textos de pessoas se sentindo de alguma forma atingidas com variedade de veículos que hoje têm acesso ao evento. Já estive lá apenas de bonita, indo ver desfile e voltando para casa, mas estive lá mais ainda para trabalhar. Conheci o evento para valer cobrindo para dois veículos diferentes (e grandes), e senti na pele a desorganização das assessorias, problema que ganha proporção ainda maior se observarmos que o número de credenciados aumenta a cada estação.

Quase todo backstage funciona na base do berro: entra quem fala mais alto, não necessariamente quem “pode” mais. Em alguns honestos casos existe uma fila, mas quem é amigo do “promoter” é fila A em qualquer ocasião, dentro ou fora da sala de desfile. E, o pior, se foi fácil entrar, é bem provável que exista um outro camarim mais disputado e importante para você estar ao mesmo tempo.

Dado este cenário caótico, vi alfinetadas indo de lá pra cá entre blogs de moda e veículos grandes; gente que tem o olho bem treinado pelas revistas que leu versus quem estudou o assunto para poder escrever “seriamente” para estas pessoas. A discussão é ampla, mas se há alguns anos a internet mal tinha voz no evento, hoje são veículos grandes, impressos e online que estão reclamando de blogueiros credenciados como imprensa.

O buraco é tão profundo que estão colocando até extremos no mesmo saco.  É bonito falar de democracia das fontes de informação, mas quem faz desfile de credencial na semana de moda deveria ser colocado em uma posição justa quando comparado à uma pessoa séria, que abriu um site para divulgar seu trabalho, ou mesmo diante de quem tira o sustento do próprio blog, assim como o editor experiente que vive da revista para qual trabalha.

Quando veículos grandes e tradicionais se predispõem a intrigas com gente independente, fica claro que quem erra na hierarquização das diferentes “imprensas” não é a organização do evento, que está absolutamente correta em sua abertura de horizontes; mas sim as assessorias das grifes.

Os assessores tem a obrigação de conhecer  o mínimo dos veículos credenciados para poder escolher quem é interessante para seu cliente e produz conteúdo relevante; só assim é possível elencar razoavelmente a relevância de cada um numa porta de backstage, por exemplo.

Se a confusão atrás das portas já é tradicional, na sala de desfile a crise também se instalou: imprensa agora só com convite, ao contrário das últimas edições, em que qualquer credenciado podia ver o desfile até de pé se quisesse. E essa nova regra, meus caros, é também absolutamente democrática: vai do blog até a revista que não recebeu convites suficientes para sua equipe.

Quer dizer, o São Paulo Fashion Week é cada vez mais para todos respirarem a moda dos corredores, e cada vez menos para todos olharem de perto.

* foto tirada por mim durante o desfile da Ellus na temporada de julho de 2010

.

ps: desta vez não estou por lá, e até por isso quis escrever a respeito diante do que andei lendo. O que espero, de verdade, é que em julho a organização fique esperta e que todos voltem a falar de moda. Aí sim estarei ansiosa para ler.

Copa, fondue, #arnobeauty e dia dos namorados – Imagens da Semana

qui

Como eu estava no SPFW trabalhando semana passada, vamos ignorar isso (até porque já chega de falar sobre o tema por aqui) e passar a coisas mais legais e que não envolvem trabalho.

COPA

Terça começou a Copa e isso aí é uma TV de 50 polegadas full HD de onde assisti o jogo aqui no trabalho. Não enchi a cara com os amigos, mas pelo menos vi tudo numa imagem absurda de linda – e com alguns segundos de atraso, é verdade. Por enquanto, estou sendo otimista de graça com a seleção, porque sinceramente não vi muita firmeza. E vocês? Comentem aê, que eu pra comentar futebol não dou, não. Só sei comentar dos gatos. hehe
.

FONDUE

Ontem à noite, eu e o Rafa fomos experimentar o fondue do Hannover, uma das casas mais conhecidas de São Paulo por servir festival de fondue – ou, como queira, “rodízio de fondue”. Comemos fondue de queijo, carnes e chocolate e saímos de lá de barriga cheia. O ambiente da casa não favoreceu muito, porque além de ter uma música ao vivo horrorosa, o estabelecimento é muito grande e muito cheio, sendo que o sistema de ventilação não dá conta. E, bem, sendo uma casa que só serve fondue, isso significa fumaceira – e significa que seu cabelo vai sair de lá defumadinho.

Os molhinhos para o fondue de carne são bons (e fondue de carne não tem segredo, né?), mas achei que o fondue de queijo deixou bem a desejar, é pior do que aquele de caixinha da Table D’or. Em todo caso, o de chocolate também não tem segredo e compensa o outro.

Resumindo? Não foi o melhor fondue da minha vida (não mesmo!), mas se você estiver afim de comer muito e gastar menos, já que este é um prato relativamente caro, lá é o lugar. A aparência do site e da casa não são das melhores, mas é uma dica para comer dessa iguaria sem deixar os tufos no restaurante.

Ainda este inverno queremos ir no Chalézinho, no 4 Seasons ou mesmo no Baden Baden em Campos do Jordão. Daí sim vai ser bom com certeza. 8)
.

#ARNOBEAUTY

Quem me segue no Twitter já viu a nova chapinha incrível da Arno – e também meu novo avatar e fundo pra campanha, já que sou uma das “embaixadoras”, por assim dizer. Apesar de estar detestando ficar me olhando toda hora ali enquanto twitto, a campanha está super bacana e a prancha alisadora é realmente ótima.

Tenho cabelo ondulado, fininho e rebelde e geralmente não consigo manter o liso (nem com chapa do cabeleireiro!) e desta vez, ficou. Vou falar um pouco mais da campanha por aqui e mostrar o vídeo do super Marcos Proença me fazendo um cabelão genial! Enquanto isso, lá no site deles dá pra conhecer melhor essa chapinha mega tecnológica, que deixa você escolher o tipo de cabelo, a temperatura e o quanto ele é saudável.
.

DIA DOS NAMORADOS

Depois de tanto tempo sozinha, solteira e reclamando em 273927 posts por aqui (quem me lê faz tempo, sabe!), tudo o que eu queria era ter um dia dos namorados de fazer a vizinha encalhada chorar sangue de tanta inveja, mas não foi bem isso que aconteceu. hahahaha

Devido ao beloved Fashion Week, não pude programar nada de interessante, já que é impossível reservar mesa num restaurante se você não souber a hora que vai chegar. Em todo caso, Rafa e eu tomamos um bom vinho e comemos uma boa pizza no Leona.

No fim das contas, acabou sendo gostoso e ganhamos esses bolinhos bem casados ao final do jantar. Será que é um sinal? hehe Bom, se tudo der certo e há de dar, meu “dia dos namorados” será este final de semana. Aí sim, né? ;)

SPFW – Fatos dos dias 4 e 5 (compras, Gisele, etc!)

seg

Rápido e rasteiro, porque tirando Gisele ontem, estava tudo bem tranqüilo. Aproveitei para finalmente olhar a lojinha Pop-Up montada próximo ao lounge da Oi e trombei com Evandro Soldatti, o modelo que virou “Alejandro” da Lady Gaga.

.

Sábado, o quarto dia

@ SPFW - Verão 2011

No rolê pela lojinha, encontrei várias coisas lindas e fofas, de enlouquecer qualquer amante de papelaria (veja no flickr!). Mas meus favoritos mesmo foram as escovas de dentes hipster da Curaprox, vindas diretamente da Suíça. Tenho uma verde água com cerdas pink e foi bem emocionante encontrar toda a *paleta de cores* assim, na minha frente e enquadrada. Fora que a escova é  muito boa, tá? Mamãe é dentista e recomenda. Para quem não vai à Bienal, dá pra encontrar na rede de farmácias Iguatemi, no Shopping Iguatemi ou no Market Place.

Alejandro, aka Evandro Soldatti, estava na primeira fila do desfile da Animale e sua booker fofa não deixou o rapaz dar entrevista. Li na Folha um papo com ele, e o rapaz disse que “não dá para destacar um trabalho mais importante”. Tá bom, querido. Todo mundo lá queria falar contigo e tu sabe bem porque. Volta pra Nova York!

.

Domingo, quinto dia

Alexandre Schneider/UOL

Giselão apareceu, causou, o mundo inteiro se estapeou por ela, e nem um fiozinho de loirice eu vi passar. No desfile, também não deu pra ver, já que a Colcci prendeu o cabelo da mulher. Agora, cá pra nós, todo mundo já sabe que Gisele é diferente porque é, certo? Então minha opinião leiga é que a rainha da passarela devia sim estar de cabelo soltão e diferentão. Prontofalei. E ah, sabem um tal Gianecchini? Também desfilou. Ofuscado, mas desfilou.

Fora isso, na segunda entrada da mulher, uma modelo xis quase esbarrou com ela. Quem viu ao vivo, percebeu. Pena que não dá pra no vídeo:

(não consegue ver o vídeo? Clica aqui)

Mudando de assunto, para quem gostou de ver meu look “balada”, dá pra ver um dos meus looks “pra trabalho” no It Girls e um pouco sobre “o que pretendo fazer depois da semana de moda”. A Juliana, colaboradora do It, me entrevistou. Achei legal aparecer por lá e confesso que achei mesmo bem engraçado – e que tô bizarra  na segunda foto.  Em todo caso, estão lá as phynas e… eu! hehe No mínimo inusitado.

.

E é isso, pessoal. Acaba aqui o plantão SPFW, pois depois de camelar bastante, terminei as matérias com antecedência e estarei bem longe da BEE-nal hoje: em casa, quentinha, fazendo nada. Descanso merecido.

Até janeiro, fashionistas.

SPFW – Fatos do dia 3 (Cavalera)

sáb

Acho que este foi um dos dias em que mais trabalhei na vida, mas não foi pela correria, não. Na verdade, foi o meu dia mais tranquilo na Bienal, com a diferença que fiquei “na função” por 13 horas. Então, bem, dá pra entender quando digo que não é tão legal assim, além das filas absurdas que pegamos em cada backstage só para fazer a pergunta de uma pauta para o maquiador.

.

Como destaque, quero citar o desfile da Cavalera, que teve “festa de 15 anos” como tema e foi realizado na Casa Panamericana, em Pinheiros.

O espaço era super bonito, e armaram um bolo gigante no meio de uma das salas. Muitas bexigas, glitter e saias esvoaçantes além de celebridades na primeira fila. Pitty, Pedro Neschling, uma atriz que eu ainda não lembrei o nome e Alessandra Negrini, que causou absurdos com seu novo namorado.

Fora isso, foi bem legal ver o desfile com trilha feita por João Gordo, que espantoudiscotecando um indie fofinho e falou que ” não usa Cavalera porque não cabe”:

.

(Não consegue ver o vídeo? Clica aqui.)

SPFW – Fatos do dia 2 (featuring Paris Hilton)

sex

Então né, não vou falar sobre ontem porque já é quase uma da manhã e amanhã (hoje!) levanto cedo para um desfile fora da Bienal. Logo, sou filha de Deus e preciso descansar a mente e os meus queridos pés que me aguentaram o dia inteiro. Masss tá aí, algumas observações do dia pra quem queria:
.

Claudia Leitte grava cenas de “Ti Ti Ti” com Ingrid Guimarães: mini tumultinho porque Claudia move um pessoal. Ticiane Pinheiro estava perto na hora e acabou não recebendo tanta atenção.

Máquina do café consertada é motivo de fila na sala de imprensa, porque a maldita tava quebrada desde ontem e quem tá trampando o dia todo precisa de gás extra. Alô, cadê as meninas do energy drink da temporada passada?? Estamos com saudades, bjos!


@ SPFW Verão 2011

Entrei no desfile da Ellus e achei essa passarela exótica: meninos só desfilaram de um lado, meninas só de outro. Depois inverteram e essa tela ficou no meio da passarela o tempo todo. Achei lindo, mas também achei que prejudicou a visão do pessoal. Vi gente que entrou no lado “mais das meninas” querendo cobrir moda masculina. Ruim, né?

PPPPAAAARIS

A PARIS É DIVA. Se existe uma pessoa exemplo de reconhecimento pelo que faz, é a Paris. Afinal, ela não faz nada e tem muito reconhecimento. Imagine se a danada atuasse bem, que loucura?  De qualquer forma, ela tem um belo rostinho de boneca e um corpo hot.

SPFW e Melissa, Iphone, Crew no Glória, Aerosmith, Fifities, #NaRealSeuDesejo e rosas! – Imagens da(s) Semana(s)

qui

Opa, e lá vem um “Imagens…” acumulado. Afinal de contas, se é feriadão, o blog provavelmente sai pro feriadão também. ;)

.

MELISSA E SPFW

Começou ontem o SPFW e eu passei o dia correndo pra lá e pra cá, meu pé encheu-se de bolhas por causa do meu beloved sapato e entre uma correria e outra, passei no stand da Melissa, fiz algumas fotos e, espantosamente, ganhei o joguinho e trouxe essa fofinha aí pra casa. É uma Melissa absolutamente confortável, que tem uma palmilha elevada internamente ,de forma que o o seu calcanhar não vai ficar cansado depois de andar bastante com ela. Gostei! ;)

Se você quiser saber mais sobre o SPFW, me segue no twitter, tô sempre falando alguma coisinha de lá ou postando fotos! Pensei em fazer um balanço diário de lá por aqui, o que vocês acham? Que fique claro: um balanço falando de bafos e bastidores! Análises de moda eu deixo para pessoas mais gabaritadas.

.

iPHONE

Tá aí meu brinquedo novo. Juro que há um século eu não me animava tanto com uma pequena parafernália tecnológica. Creio que a última vez foi com o Tamagochi. Aloca. hehe Mas é sério gente: isso aí é vida. E eu sei sim que o tio Jobs já lançou o iPhone 4, mas até eu precisar de um, ele já terá lançado o 5 e assim troco – ou não! rs

.

BATIDÃO NO GLÓRIA

CREW @Gloria

Sábado eu me joguei muito no Glória, como há muito não fazia. A festa foi a Crew, organizada pela Lalai e cia., e contou com a presença ilustre de Sany Pitbull, funkeiro diretamente dos morros cariocas. O cara é bom pra caramba, e misturou tudo o que você pode imaginar – inclusive Nirvana com base de Tigrona. Sensacional! 8) Tirei umas fotos bem legais (inclusive do meu look, algo que vocês tem me perguntado no formspring). Estão lá no flickr!

.

AEROSMITH

Aerosmith @Palestra Itália

Nós fomos no show, cantamos, berramos e demos umas puladinhas. Steven Tyler é um belo de um showman, canta pra caralho (se me permitem o palavrão) e parece estar longe de interromper a carreira. É claro que não deu pra tirar foto legal, já que fui com uma câmera pequenininha e ficamos longe, na cadeira lateral. Em todo caso, tem mais tentativas de foto do show no flickr.

.

THE FIFTIES

Continuando minha saga pessoal em busca da hamburgueria perfeita, almojantei no The Fifties com o Rafa no final de semana e provei o famoso Pic Burger. Achei realmente gostoso – e a porção de batatas é respeitável. Masssss… Lanchonete da Cidade e General Prime Burger ainda estão na frente para mim.

.

#NAREALSEUDESEJO

Na oooutra semana, fui à festa de lançamento da agência de publicidade Brain 4 Ideas, que andou fazendo umas promoções legais no twitter usando a tag “#narealseudesejo” e convidou bastante gente da internet para aparecer por lá. Na foto, Rafa e eu – e meu pirulito, que fez um belo par mergulhado num cosmopolitan.

.

ROSAS!

E para fechar, rosas! E não só rosas como uma jóia! A Potthoff Pratas lá do sul enviou esse buquê lindo e um vale-presente para eu escolher uma peça no site. Não é demais? Quando chegar mostro pra vocês. E o melhor: sexta-feira uma leitora ou um leitor daqui também poderá ganhar uma joia, nem que seja para dar para a namorada! Fiquem ligados, inclusive o pessoal aí do reader. ;)

AsASas