Médicos, exercícios, eu e uma Imagem da Semana

sex

Ontem foi dia de “imagens…”, hoje dia das minhas divagações compridas, mas como ontem fiz uma desagradável visita ao hospital, resolvi fazer um híbrido, já que não quero manter o “antes tarde do que nunca” como lema por aqui. hehe

vip no hospital

Médico 1, check-up trabalhista, há quatro meses:

– Pratica exercícios físicos?
– Sim, natação e pilates – respondo, totalmente orgulhosa.
– Ótimo, fez excelentes escolhas. Natação trabalha todo o corpo e pilates fortifica os músculos, especialmente você, que tem pulsos finos e digita tanto. Não deixe de fazer, esse pulso é um perigo para tendinite.
– Pódexá..

Médico 2, ontem à noite:

– E desde quando essa dor nas costas?
– Uma semana, aí hoje começou o torcicolo e eu resolvi vir logo, na última crise não conseguia nem encostar a mão na minha cabeça de tanta dor.
– Sei. Está só inflamado, vai tomar isso aqui por 5 dias. Tome banho bem quente e vê se pratica exercícios, viu?
– Tá, engraçado, eu dei uma pausa na natação há duas semanas…

[…]

Pois sim, meus caros. Sou tão preguiçosa que até o que eu estava gostando (natação) não consegui manter e ainda ganhei uma bela dor por toda lombar, cervical e pescoço para me lembrar que não posso deixar de mexer o esqueleto.  O pilates, coitado, já tinha ido para o espaço faz tempo. E agora eu,  que tinha resolvido me exercitar por estética, descubro aos míseros 21 anos que chegou a uma questão de saúde.

Pobre corpinho nerd! Má postura sux.
.

5 Motivos para você começar a nadar hoje

ter

Post totalmente influenciado pelas minhas queridas aulas de natação matinais.


Michael Phelps fotografado por Ryan McGinley; veja mais

.
1. A natação trabalha todos os músculos do corpo, e quando você menos esperar, seu abdômen estará fortificado e o seu peitoral também – o que, para as meninas, pode significar peitos maiores, e não “largos”, como a maioria acredita;

2. Você compete com você mesmo – e com os outros: enquanto em exercícios repetitivos comuns você sofre com seu próprio suor, cansaço e conta os segundos para a aula acabar, na natação é bem provável que você se pegue criando competições mentais contra os outros alunos, e isso só te ajuda a ficar cada vez mais ágil;

3. O nado aumenta seu fôlego e também sua capacidade respiratória, de forma que pessoas que sofrem com bronquite ou rinite podem até estranhar no começo, mas certamente terão suas alergias amenizadas depois de um tempo de prática;

4. A piscina é quentinha, então mesmo no frio não há porque fugir!;

5. Ninguém sai da aula suadinho, fedidinho ou grudandinho. A única questão do pós-aula é o tal “clima de vestiário”, em que todo mundo pode ver sua buzanfa a todo momento. Para resolver isso, faça natação bem perto da sua casa e tenha o prazer de tomar banho no seu próprio chuveiro logo em seguida. (eu prefiro!)

Foto-arte Olímpica

qui

Sempre gostei de ver fotos de esportes, principalmente porque além dos belos momentos capturados, como nas Olímpiadas de Inverno, sempre rolam uns lances engraçados, especialmente nos jogos de futebol.

Quando contei que tinha começado a natação no Twitter, o @pesanervos me enviou o site do fotógrafo Ryan McGinley, que adora capturar momentos de competições olímpicas, mas também faz fotos para o New York Times e tem ensaios exclusivos com Kate Moss. Posso compartilhar?
.

Michael Phelps

Ellen Page

Kate Moss

Continue lendo →

“Despertar da Primavera”, Sapatonline, Natação, Neu club, Lanchonete da Cidade – imagens da semana

qua

“Imagens…” de uma semana até que bem agitada… 8)
.

“DESPERTAR DA PRIMAVERA”

Sexta-feira fui com o Rafa conferir a estreia em São Paulo do musical “Despertar da Primavera” , campeão de indicações ao prêmio Shell do ano passado por sua temporada no Rio de Janeiro. Baseada na obra de Frank Widekind, a peça é mais uma produção Broadway-Brasil com adaptação de Charles Möeller e Cláudio Botelho, dupla que se especializou em produzir e adaptar musicais por aqui, e é responsável por boooa parte dos espetáculos do gênero que entram em cartaz no país, como “Sweet Charity”, “O Fantasma da Ópera”, “Noviça Rebelde”, “Avenida Q”, “My Fair Lady”, “O Rei e Eu”, “Les Miserables” e etc.

Como era de se esperar, portanto, é mais uma adaptação de qualidade, com elenco bem escolhido  (Pierre Baitelli, Letícia Collin e Malu Rodrigues) e excelente direção musical. Na história, um jovem casal tenta lutar para ficar juntos enquanto  descobrem o sexo e enfrentam todos os desafios da adolescência na Alemanha do início do século.

Recomendo, especialmente para adolescentes que gostem de musicais! Apesar de ser polêmico e ter cenas memoráveis (imagine ver uma masturbação no meio de um musical!), eu pessoalmente prefiro dramas como  “Fantasma da Ópera” (e espero ver “Cats” no Teatro Abril em breve).

Para maiores detalhes da peça, acessem o site, onde dá até para baixar as músicas do espetáculo!

.

LANCHONETE DA CIDADE

Jantei na Lanchonete da Cidade com o Rafa no sábado à noite e reconfirmei meu amor pela dupla batata rústica + sanduíche Tropicália, como vocês podem ver nesse vídeo que o namorado fez de mim.

Para quem não sabe o que vai neste lanche, dá uma olhada no cardápio e dê uma mordida antes de dizer que meu gosto é exótico, tá? 8) Até hoje não experimentei o Bombom por lá porque não consigo abandonar meu Tropi, que para mim é uma das melhores coisas que já provei numa hamburgueria.

.

NEU CLUB

voltando da Neu.
Voltando pra casa, de headband e make acabada.

Nunca tinha ido na Neu e adorei o clima inferninho + bar aberto, bem despretencioso. Lá você pode tanto sentar numa mesa ou num bancão e ficar tomando cerveja e papeando, quanto ir pra pista se jogar. A casa é simples e fica na região da Barra Funda. Vá para se divertir e gastar pouco vendo gente elegante. E um lembrete: eles não aceitam cartões!

.
Continue lendo →