10 fotos que você não deve compartilhar no Instagram

ter

Em tempos de “ai que saudade da interação que tinha no meu Twitter” e de “ai que lixo essa timeline do Facebook”, o Instagram desponta facinho como uma das nossas redes sociais favoritas, mas nem tudo é perfeito.

O primeiro burburinho de que a coisa poderia ficar chata foi quando rolou uma bela onda de preconceito com a chegada dos usuários de Android. A sorte é que todo mundo se lembrou que o botão de unfollow tá ali pra ser usado. Mas, em todo caso, sempre tem aquela galera bacaninha que exagera de vez em quando.

Geralmente é quem esquece que o celular está sempre à mão e que a foto vai ser vista em qualquer ocasião, a qualquer momento. Pra encurtar a história, o que eu quero dizer é: não é legal instagramar o cocô do seu cachorro com um filtro vintage, especialmente se quem te segue estiver lanchando com o celular na mão. Oh DÓ!

 .

Por isso, listo aqui 10 filtros mentais que você deve passar na foto antes de postar no Instagram:

10. Alguém pode explodir de nojo vendo isso? Não poste.

9. Existe um espelho ou uma bordinha da foto em que você não prestou atenção? Olhe uma, duas, três vezes. Cuidado para não aparecer demais numa frestinha que ficou sobrando. #Johanssoning já é meme velho!

8. Qual o limite da sensualização pra você? Nós podemos até ter parcimônia com uma foto de biquinho, mas o que dizer do close no decotão? Se seus chefes seguem você no Insta, aperte o xizinho vermelho já!

7. Se jogou nas compras? Na comida? Vai tirar foto de qualquer excesso do gênero? Cuidado com os chatos de plantão que vão querer cuidar não só da sua conta bancária, mas da sua dieta. Melhor não entrar nessa.

6. Você é lindo? Sua mãe te acha lindo? Ai que lindeza! Só tente equilibrar as egoshots com outras coisas. Você pode até misturar alguns combos do Instagram: para cada foto de “look do dia no elevador”, acrescente um gato ou cachorro, uma sobremesa apetitosa, uma paisagem e uma plaquinha diferente. Pronto!

5. Você é lindo e tem um amor lindo? Ok. Só verifique se alguém não está mostrando os pêlos na foto. Nada mais constrangedor que abrir o aplicativo e encontrar casais apenas cobrindo as partes enquanto “curtem um feriadinho preguiçoso com o momô”. Por favor, né? Trabalhem mais e entreguem então uma sextape pra galera!

4. A foto é sua? Não? É um print da tela da previsão do tempo? Veio do Facebook? Do Tumblr? Do Pinterest? Rede social errada, meu caro.

3. Você conversaria sobre essa foto de você bebaço em voz alta no cafézinho da firrrrma? Se sim, não hesite. Se não, aprenda de uma vez por todas que a internet é escrita à caneta.

2. Guarde suas unhas e pés pra você. Por favor, vai? Diz que sim?!?!!?!?

.

E para não dizer que não falei das flores:

1. Você tem certeza que o mundo precisa ver mais essa foto? A imagem não precisa ser fodástica para ser postada, mas é bom que tenha alguma graça. Sinto ter que dizer, mas postar seu mexidinho com comida de ontem embalado num belo filtro vintage é bem sem graça, por mais que esteja uma delícia.

10 coisas para pensar agora que a Saga “Crepúsculo” acabou

seg

A “Saga Crepúsculo” chegou ao fim no último final de semana e como milhões de pessoas já viram o filme, cabe agora parar pra pensar no que a série deixou pra gente. Adorei o filme e me diverti muito vendo o final da história (achei o filme super curtinho!), mas não tem como não querer saber que fim vão levar essas 10 coisas aqui…

Robert e Kristen para a Vanity Fair: um dos primeiros ensaios do elenco (e ainda assim um dos melhores)

.

10 Coisas para pensar agora que “Crepúsculo” acabou:

– Como é de fato uma trepada entre dois vampiros crepusculetes? Nunca saberemos; mas os seriados estão aí pra isso – pena que eles não são charmosos o suficiente para brilhar no sol.

– Se todo vampiro tem uma alma gêmea, por que os Volturi não pegam ninguém? Será que todo esse ódio com a vida alheia não é falta de amore no cuore?

– Passaram três livros explicando que a fome dos recém-nascidos era insuportável. Qual é a da Bella ser fodona assim? A Alice não poderia ter previsto isso e facilitado tudo para todo mundo?

– Os vampiros brasileiros dão pinta quase pelados na neve durante o último filme. De fato, o único retrato verossímil de brasileiros seminus no cinema, afinal ninguém ali precisaria estar com tanta roupa se ninguém ali sente frio.

– O que a mãe da Bella vai pensar quando ver que a netinha envelheceu 10 anos em um? Essa sim vai encher a cabeça de brancos rapidinho.

– Quem era Team Jacob vai ser Team Renesmee agora?

– Como Jacob vai suportar viver com a Renesmee semi-imortal sendo que ele vai envelhecer? Ela vai dar umas mordidinhas nele pra garantir o futuro? Ele vai virar um lobisvampiro?

– Quanto tempo vai demorar para a Stephenie Meyer surgir com uma carta na manga para continuar esta série? Um ano?

Afinal de contas, será que o Robert Pattinson vai conseguir se dar bem? Além de ter sido um dos que menos conseguiu papeis interessantes se considerarmos sua visibilidade, o cara ainda passou pelo carão com a Kristen (que ainda foi lá e se tornou uma das atrizes mais bem pagas de Hollywood)… Oh dó!

– Por que o Green Day foi contratado para fazer uma música para este último filme e a música só toca nos créditos? WTF?!

.

Roberto Carlos lança “melô do dominador” e vira a versão brasileira do Christian Grey

seg

Roberto Carlos e Ian Somerhalder, ainda meu favorito para viver Grey no cinema

Christian Grey, o motivo maior pelo qual a mulherada tolera ler “50 Tons De Cinza”, aparentemente encontrou um oponente de igual calibre aqui no Brasil. E esse cara, minhas caras, é Roberto Carlos.

Assim como nosso Grey, Roberto também é milionário, também tem uma vida amorosa de conquistador, tem lá os segredos que não fica exibindo, também é geralmente mais velho que suas admiradoras, também vai controlar o que você veste (só azul e branco, pls) e também deve ter uns 50 tons de cinza, só que escondidinhos no cabelo.

Fora essas semelhanças banais de brinks, a trilha sonora da novela nova (saudades #OiOiOi!) é o verdadeiro melô do dominador.

Dá uma olhada num trecho de “Esse Cara sou Eu”, a letra da nova música do Robertão e veja só se não é ele o  nosso Christian – mais romântico, mas ainda assim…

O cara que pensa em você toda hora
Que conta os segundos se você demora
Que está todo o tempo querendo te ver
Porque já não sabe ficar sem você

E no meio da noite te chama
Pra dizer que te ama (não só que ama, né?)
Esse cara sou eu

O cara que pega você pelo braço
Esbarra em quem for que interrompa seus passos
Está do seu lado pro que der e vier
O herói esperado por toda mulher

[…]

O cara que sempre te espera sorrindo
Que abre a porta do carro quando você vem vindo
Te beija na boca, te abraça feliz
Apaixonado te olha e te diz
Que sentiu sua falta e reclama
Ele te ama
Esse cara sou eu

.
Piadinhas à parte (fãs do RC, não me matem!), a verdade é que acho que até uma heroína virgem acabaria enjoando com o tempo. Que dirá nós, mulheres normais, né não?

Vocês podem até lembrar dos “presentinhos” que aquecem o relacionamento, mas não sei se um milionário brasileiro sairia distribuindo carros para uma peguete. Isso só pode ser coisa de americano, lá os carros são baratos.

.

Eterna patricinha, Alicia Silverstone vira vampira na comédia “Vamps”

sex

Elas dormem no caixão, saem para paquerar à noite e frequentam reuniões lotadas de imortais buscando melhorar sua auto-confiança: estas são as protagonistas de “Vamps”, comédia do mesmo diretor de “As Patricinhas de Beverly Hills” que traz Alicia Silverstone (!) e Krysten Ritter.

Krysten Ritter e Alicia Silverstone em cena de “Vamps”

As duas dividem apê e convivem numa boa vagando pela noite, até que um dia (sempre há um dia!), a paixão de uma delas pode colocar a imortalidade de todos os vampiros em risco.

Não tem como não amar Alicia eternamente por sua Cher e Krysten Ritter já tem lugar em nossos corações pelos papeis que sempre roubam a cena – e agora finalmente vamos ficar mais tempo com ela na telona. Dá o play no trailer:

.

O longa marca o reencontro de Silverstone com a diretora Amy Heckerling, que a fez bombar lá em 1995 com o melhor filme adolescente de todos os tempos. E, sinceramente, esta tem grandes chances de ser mais uma comédia de sucesso e de boas referências de moda também, vai saber? “Vamps” está estreando hoje nos Estados Unidos e deve chegar por aqui apenas em 2013.

Só tenho uma dúvida… Acabei de conferir que Alicia Silverstone está com 36 anos. Ela tinha 19 ao fazer “As Patricinhas…”. Ela não envelhece. Ahn, seria essa uma história verídica? Será que ela e a Avril Lavigne dormem em caixõezinhos pink?  kkk

.

Será que você está num casamento hipster?

sex

fontes escolhidas a dedo? flor no cabelo? Sorria, você está num casamento hipster!

A internet, esta monstra, está cheia de sites recheados de dicas para ajudarem noivos a fazerem do seu casamento uma noite inesquecível. Só que hoje em dia não basta apenas fazer uma festa bem organizada e animada; hoje em dia a festa de casamento tem que ser “instagramável”, tem que ser digna de fazer com que todas as fotos possam ir parar no Pinterest para serem repostadas para todo o sempre, mesmo que já tenha rolado o divórcio.

Brincadeiras à parte, é fato que todas essas redes de compartilhamento de imagens levaram as mesmas referências “fofinhas” para noivos de todo o mundo: festas no campo com luzes penduradas, bandas cool tocando… E é inegável que muita gente está se inspirando no que vê online. Por isso, você aí pode acabar sendo convidado para um casamento super, hiper, mega ultra hipster. E os noivos nem precisam ser hipsters para quererem uma festa hipster.

Por isso mesmo, puxe da memória a última festa em que você esteve ou saque o convite que você acaba de receber (sim, ele também contem pistas!) e descubra com esse infográfico: será que você foi convidado para um casamento hipster?

.

O que aprendemos com: a festa do Príncipe Harry

ter

Mantendo a tradição de “O Que Aprendemos Com”, hoje um exemplo engrandecedor para os festeiros!

.

.
Príncipe Harry
é um dos solteiros mais cobiçados de sua cidade, de seu país, quiçá deste nosso mundão. O ruivinho já cometeu erros bêbado, tem passado com ex-namorada mala e agora com o irmão casado saiu de vez do foco das atenções. Provavelmente o moço só quer saber de curtir a vida, assim como muitos festeiros por aí.

Após deixar mulheres (e homens) do mundo todo em polvorosa com sua bundinha exposta em Las Vegas, o cara deixou uma lição: dá sim pra causar e manter uma fama, mesmo que rasa, de bom moço.

Harry é um “bon vivant”, mas poderia ser facilmente encarado como um canalha, afinal, não é só o cabelo ruivo ou a conta bancária que transformam a imagem do nosso rapaz do exemplo. Muito menos o sangue azul. Então, vamos lá: o que deu para aprender com Harry?

1. Escolha bem o lugar, a hora e a companhia para “aprontar”

Harry é da família real, você pode ter um belo emprego a zelar. Encare estes fatores como a mesma coisa e, finito!, está aí o que você tem a perder caso esteja solteiro(a) e não tenha filhos, de forma resumida é lógico. A cidade do nosso exemplo tem fama de ser a Disney adulta e você está na pista para negócio, logo nada mais natural que fazer bagunça, afinal “todo mundo precisa de um dia de festa”.  Alguns jornais, aliás, decidiram nem publicar as imagens do príncipe porque consideraram o comportamento do Príncipe algo comum e inofensivo.

A situação, é claro, é bem diferente de quando você deve algo para o seu parceiro, ou se alguém da turma está comprometido, ou quando se está mentindo sobre a situação. Resumindo? Se for aprontar todas, que seja com quem também tá topando todas e assuma o que fez. Outra coisa: mantenha um espaçamento entre suas festinhas, se não a credibilidade vai por água abaixo também. Lembre-se que já fazia tempo que o ruivo andava “na linha”.

.

2. Não deixe provas, nunca, em hipótese alguma!

Não é à toa que as fotos de “Se Beber Não Case” só aparecem no fim do filme. Se a gente tivesse visto algumas coisas no meio da história, poderia ter passado a achar os caras uns babacas completos e não haveria empatia para a trama continuar.

Os guardas da família real deveriam ter protegido um pouco mais o Príncipe e o mesmo vale para os seus amigos. Eles precisam estar no clima e devem te tirar do jogo quando a situação não for mais favorável para você – e isso inclui te impedir de aparecer em fotos “suspeitas”. Nunca confie na bondade alheia: tem quem adore ver o circo pegar fogo, mesmo sabendo que pode ferrar seu sangue azul ou seu emprego.

.

3. Ria de si mesmo, para você e para todos

Mesmo que ninguém fique sabendo do que rolou na sua party hard, você pode acabar tendo que levar alguém até um médico, até a polícia ou pode ter de ser levado. Pode ser um tombo, beber demais, comida estragada ou fazer o que não devia mesmo – você completa o motivo! Mas se isso acontecer, saiba rir de você mesmo, dê um sorriso e aja naturalmente. Cuide para que o plantonista não espalhe a história; o Harry fez amizade até com os seguranças do hotel em Vegas (!).

.

4. Se mesmo assim você se ferrar (o que não é raro!) act like a man e enfrente as consequências

Se você não foi um “gentleman” ou uma “lady”, faça o favor de pelo menos encarar as consequências de frente. E essa regra vale mesmo para quando você fez uma cagada completa, do início ao fim. Harry não vai escapar de dar esclarecimentos à rainha, você também vai ter que dar esclarecimentos para quem se sentir ofendido pelos seus atos.

Nada de desligar o telefone, de deixar de atender, de mentir, de tentar distrair a outra pessoa. Pense que pelo menos você não estará papeando com a rainha! hehe ;)

.

.

.