Vaidade tem limite.

qua

Estava eu checando o twitter (como faço diariamente – vício)  e vi a seguinte twittada:

Fiquei curiosa e fui checar o link, óbvio. Apesar de eu abominar as esquisitices da vaidade oriental (tipo colocar pinos nas pernas para ficar mais alta), imaginei que o link indicaria algo normal, nem que fosse, sei lá, bronzeamento em spray aerosol. Imagina? as Gals , aquela tribo de patricinhas-fashion-ocidentalizadas, fariam a festa!

Apesar do link realmente ter produtinhos de beleza que bem poderiam ser vendidos por aqui e venderiam feito água, lá encontrei também uma série de aberrações. Tenho que compartilhar esses produtos com vocês, pra ver se só eu acho isso abominável:

1) “Nose clipper”

Na descrição do produto, diz: “usar diariamente por 20 minutos, no máximo. Nunca ultrapassar mais de uma hora. O produto não deve causar dificuldades respiratórias nem dor. Interrompa o uso imediatamente em caso de desconforto.”  Ok, gente. Todo mundo quer um nariz fininho e arrebitado, mas, caramba, se a nóia é tão grande a ponto de usar uma bugiganga dessas diariamente, será que não seria melhor recorrer a uma plástica, de uma vez por todas?  Bom, eu já tenho vergonha que me vejam de máscara de pepinos no rosto, que dirá usando um troço desses. Broxante, não, meninos?!

2) Lentes de aumento. Para os olhos.

Tudo bem, a moça é bonita, é sexy e tudo mais (também, com essa bola/bala/xis na boca, até eu). Mas, que olhos são esses? As orientais tão querendo se parecer com et’s? Se for essa a intenção, ok, poroque esses olhos só me assustam. Agora eu entendi de onde vem o olhão da Ayumi Hamasaki. E tenho mais medo ainda, principalmente porque essas lentes, “que dilatam a pupila e aumentam o tamnho do seus olhos, comprejá!”, tem versões com es-tre-li-nhas, corações e etc. Tá, acho que não preciso descrever mais.

3) Cola lavável para as pálpebras

Sabe a colinha usada para fixar os cílios postiços nas pálpebras? Pois é. Os orientais inventaram uma um pouquinho mais forte, que também pode ser usada para isso, mas cuja função principal é fixar as pálpebras, de forma a criar aquela dobrinha no olho, igual a dos ocidentais. Repare que na foto das lentes, a modelo também está usando este produto.

É claro que esse é mais um reflexo da ocidentalização do oriente, mas também já inventaram uma cirurgia plástica pra isso. Não concordo com mudanças de identidade a esse ponto, mas, novamente, cada um tem seus motivos e suas neuras, então, porque não fazer a cirurgia ao invés de sair por aí no melhor naipe boneca remendada?  Não consigo imaginar o quanto essas meninas devem demorar pra se arrumar para uma festa. Isso não é vaidade. É escravidão.

Mas, é claro: essas meninas também tem produtos geniais (e normais) à disposição.

1 – Versão de bolsa para baby liss, tipo as mini-chapinhas, mas wirelessss, sem fio! Tecnologia djá!
2 – uma espécie de bolsa de colágeno que melhora a circulação na região dos olhos e ajuda a firmar a pele da região, além de, claro, tirar as olheiras, clarear a pele e eliminar bolsinhas ao redor dos olhos.
3 – pó compacto que fecha os poros e mantem a pele livre da oleosidade produzida ao longo do dia. A versão “pink” é pra quem tem a pele mais morena (ou amarelada, no caso deles) e a versão “blue” é para peles mais claras e sensíveis. Quero um do pink, por favor.

Bom, agora só me resta indicar as fontes, certo? Certo. Mas advirto: antes de clicar nesses links, certifique-se de que você não é sensível a imagens fortes. :P Enfim, as donas desses blogs também vendem produtos comuns e roupas bem lindinhas… Consultei aqui e aqui.  Depois disso eu não duvido mais das histórias das dicas de beleza de antigamente: dormir com pregador no nariz e fazer “chapinha” usando ferro de passar roupa…