Look do dia: botinha e camiseta

qua

Para ver mais looks, navegue pela tag.

Depois de ouvir muito por aí que o sistema de entrega e pagamento da Asos tinha mudado para os brasileiros, resolvi descobrir como estavam as coisas durante uma das mil e uma promoções da virada da estação gringa. Agora todo cliente brasileiro é obrigado a pagar a taxa de importação, independente do valor (posso fazer post explicando mais, vocês querem?) e  o produto chega num prazo razoável em casa, por volta de 14 dias. E como com bota eu não brinco em serviço, quando minha nova aquisição chegou em casa, já botei no pé pra sair!

Para completar o visual, não quis inventar muito: peguei a camiseta preta de caveira e fim. Essa camiseta, aliás, tem o clima rocker sem precisar ser de banda, repararam? Eu adoro rock, mas com essa febre de t-shirt do Ramones pipocando em qualquer loja de departamentos, é sempre bom lembrar que dá para sair no mesmo clima sem precisar mentir para o mundo que você é fã de uma banda que mal conhece. Música é coisa séria, mexer com as paixões alheias mais ainda! ;)

 

.

batom: Rebel, MAC
camiseta: Topshop (véééia que só!)
short: Farm

óculos: Clubmaster, Ray Ban (filho nooovo! rs)
bolsa: Topshop
bota: Asos

Continue lendo →

Lena Dunham vira modelo “vida real” e tem livro a caminho

qui

Esqueça qualquer gatinha pendurada em grife que você conhece e gosta de postar no Pinterest: a garota do momento é mesmo a inteligente, estilosa e fora dos padrões Lena Dunham. A diretora, roteirista e protagonista do seriado que mais amamos, “Girls” (se você não sabe do que se trata, tem a obrigação de clicar aqui), é capa da revista da loja online Asos este mês e também fez as vezes de modelo “vida real” para um editorial com peças do site.

Além de estar linda e bem diferente da forma como costumamos vê-la, Lena falou sobre o sucesso na televisão e tentou explicar porque a série atrai tanta gente: “Eu acho que o apelo está em termos heroínas imperfeitas na televisão, algo que não tem sido tão aceito quanto deveria ser. Eu acho que deve ser muito reconfortante assistir personagens que podem ser tão confusas quanto você e os seus amigos”, explicou a moça.

E claro: algumas das fotos mais legais do editorial!


.

Falando nisso…

Você pode ler a entrevista com a “big deal” clicando na página 64 da revista, mas um assunto novo que infelizmente ficou fora do papo foi o livro que Lena pretende lançar. Segundo matéria da Folha de S. Paulo, a senhorita “Girls” vai receber cerca de $3,6mi para publicar um livro com conselhos divertidos para garotas. O título? “Not that kind of girl: advice by Lena Dunham”.

Adivinha se todos nós vamos querer ler? hehe

5 coisas que você precisa saber sobre compras em sites internacionais

sex

Sempre que posto sobre compras gringas, como no post em que contei sobre o sneaker que comprei no Ebay, recebo mil e uma perguntas sobre como comprar online, algumas simples, outras complexas. Infelizmente nem sempre consigo responder todo mundo diretamente, até porque muita gente tem mandado reply no Twitter e meu e-mail pessoal BOMBA com essas perguntas.

Por isso mesmo, resolvi agrupar aqui as questões campeãs que recebo e aproveito para pedir que todas as dúvidas sejam colocadas aqui nos comentários, aí todo mundo pode se ajudar! Se faltou alguma coisa, também é só acrescentar nos comentários! Que tal? ;)

5 coisas que você precisa saber antes de comprar em sites internacionais:

1. Você vai precisar de um cartão de crédito internacional.

Parece uma pergunta boba, mas esta é a campeã do “SAC” do blog: para comprar em sites internacionais (seja o site uma loja, como a Asos, ou um conjunto de lojas e vendedores, como o Ebay ou o Etsy), você vai precisar ter um cartão de crédito internacional para fazer suas compras e vai precisar fornecer o número do seu cartão, assim como o código de segurança.

Para que sua compra seja mais segura, vale a pena criar uma conta no Paypal, sistema que protege os dados do seu cartão e é aceito em praticamente todas as lojas online internacionais. Se você tem medo de dar o número do cartão lá fora, esqueça a compra: com ou sem Paypal, por motivos óbvios, isso vai ter de acontecer para você poder comprar.

.

2. Você vai precisar saber um pouquinho de inglês.

Com a overdose de informações de moda e maquiagem e as pechinchas que rolam lá fora, muita gente quer comprar e não consegue dar conta do “inglês necessário”. Para fazer a compra, realmente, não é nada que o Google translator não resolva e que tutoriais brasileiros espalhados pela internet não te ajudem, como: “Como se cadastrar no Ebay?” e “Como abrir uma conta no Paypal?”No entanto, caso você tenha problemas com o seu produto, a entrega atrase demais ou você receba o tamanho errado, uma reclamação terá de ser feita e aí sim é legal ter alguém que possa te ajudar com o idioma para resolver a questão.

.

3. Como eu escolho meu tamanho?

Uma das maiores dúvidas da história: afinal de contas, qual é o meu tamanho numa loja online internacional? Neste caso, você não pode ter preguiça: tem que abrir a tabela de medidas que mostre a conversão do tamanho do seu país para o do país da loja, tem que pegar as medidas e ir com a régua medir peças semelhantes que você tenha em casa e tem que dar uma olhadinha cuidadosa no caimento da roupa no modelo da foto também (ex: meninas com peitos/bumbum acima da média podem querer pedir um tamanho maior se não quiserem um caimento justo).

Para roupas, recomendo abrir uma boa tabela de conversão de medidas (sites que entregam em muitos lugares como o Asos fornecem um guia bem completo) e se jogar estudando com vontade. Se o site fornecer a altura e o manequim do modelo das fotos, ótimo: vai ser a melhor referência pra você, especialmente porque em muitos sites que entregam várias marcas, os tamanhos categorizados em P, M e G podem variar.

No caso dos sapatos, considero a compra ainda mais fácil, ao contrário do que muita gente pensa. Os sapatos aparentemente seguem uma regra mais “rígida” com relação à padronagem e eu simplesmente pego um tênis de marca internacional (como Nike ou Adidas) e olho qual é o meu número. Eu calço 36/37 no Brasil, 7,5 nos Estados Unidos, 38 na Europa e 5  no Reino Unido. Quando não encontro o número quebrado, opto pelo 7 ou pelo 8 dependendo do modelo do calçado, exatamente como eu faria no Brasil. Penso se o sapato é aberto, fechado, considero se vou usar com meia, enfim. Outro jeito de descobrir seu número é ir até a Zara mais próxima e provar os sapatos sem compromisso; todas as numerações estão na etiqueta (não recomendo fazer isso com as roupas, pois pode variar de acordo com a grife e país de origem da loja).

.

4. Sua encomenda vai chegar… Quando ela chegar!

Todos os sites internacionais divulgam os prazos de entrega das compras de acordo com o país que você mora, mas isso geralmente não se aplica ao Brasil, onde os produtos aguardam a demorada vistoria da alfândega para depois seguirem para os seus donos. Não é raro o produto chegar ao nosso país em, sei lá, três dias e depois demorar muito para vir até nossas casas por conta da vistoria. Varia muito de cidade para cidade e considero o prazo de entrega uma verdadeira loteria.

Geralmente, as encomendas da gringa chegam entre uma semana e… Dois meses. Dentro desse período, considere que a encomenda ainda tem chances de chegar e não foi extraviada. Após dois meses de espera, recomendo pedir o dinheiro de volta na loja ou o reenvio da compra. Um tempo de entrega razoável, no entanto, é 20 dias. Menos que isso é sorte, mais que isso… Já sabe.

Uma forma de saber, afinal, onde está o seu pacote é usando o código de rastreamento fornecido pela loja, embora nem todas forneçam (quando o frete é gratis, é bem provável que não haja código de rastreio). Um site que tenho gostado bastante para isso (e foi dica de leitora) é o Encontre Seu Pacote, que mostra sua encomenda vindo de qualquer lugar do mundo até aqui. ;)

.

5. Vou ter que pagar taxa extra, e agora?

Agora sim: a parte mais espinhosa e que ninguém consegue explicar muito bem. Todas as encomendas que chegam no Brasil são sujeitas à vistoria da Polícia Federal. Teoricamente, todos os pacotes teriam de pagar a taxa de importação, mas a verdade é que os pacotes são selecionados aleatoriamente para pagar as tarifas, que podem chegar a custar até 60% do valor do produto em reais. Dependendo do produto e contando com a sorte de que a maior parte dos pacotes passa direto, as compras valem a pena. Se você for “taxado”, receberá um telegrama informando o valor que deverá ser pago e a agência dos correios onde seu produto está te aguardando; você tem de pagar o preço total informado em espécie.

Há muito tempo existe uma lenda de que comprando até US$50 você não é “taxado”, mas isso é válido apenas para encomendas enviadas de pessoa física para pessoa física. Ou seja, quando você comprar no Ebay de um vendedor comum e gastar até US$50, sua encomenda virá para sua casa livre de taxas e isto é garantido por lei.

A novidade é que agora alguns sites tem cobrado a taxa antes mesmo do produto deixar o estoque da loja, caso da Urban Outfitters e da Asos, por exemplo. Esta política deve ter sido adotada para evitar que pacotes taxados no país do comprador voltem para o país de origem após o consumidor se recusar a pagar para retirar o produto.

A UO tem cobrado fretes mais caros com taxas inclusas (mas chega aqui rapidinho!) e a Asos obriga o pagamento da taxa quando você gasta acima de US$50 na loja. Assim que você fechar a compra, receberá um e-mail da Skynet, transportadora responsável pela entrega das encomendas no Brasil, e será gerada uma fatura para que você possa pagar as taxas e receber seus produtos.

As taxas praticadas por esta transportadora são maiores que as praticadas pela alfândega brasileira, porém, apesar de parecer errado, isso está dentro da lei, já que é a transportadora que se encarrega do envio do produto com as taxas já pagas. O valor pode chegar até 90% do preço da encomenda em reais, então faça as contas caso você pretenda comprar algo caro na Asos. Você não terá opção: já será taxado de cara e, se não quiser pagar, terá de pedir o cancelamento da compra para a loja. Para compensar tudo isso, uma boa notícia: já fiz todo o procedimento e minhas compras chegaram em 2, eu disse DOIS, dias. ;)

Existem produtos isentos de tributação? Sim, existem! Todos os livros estão livres de tributos, não importando o valor. A ideia é incentivar o intercâmbio de cultura livremente. Pelo menos isso, né? rs

– Então que tal umas dicas de lojas?

Opa, seguem algumas lojas internacionais confiáveis em que compro sempre: Asos (roupas, acessórios, cosméticos, sapatos), Bleudame (óculos e acessórios), Cherry Culture (maquiagem, especialmente NYX), Cosme-DE (maquiagem e cosméticos), Deal Extreme (tranqueiras eletrônicas, cabos, capas de celular, pen drive, etc, etc!), Feel Unique (cosméticos no geral, mas especialmente bom para produtos para o cabelo), Morangão (maquiagem e tudo quanto é cosmético), Threadless (camisetas), Urban Outfitters (roupas, acessórios).

.

Espero que vocês tenham curtido o post e que eu possa ter ajudado de alguma forma. Quem tem dúvidas ou mais informações, por favor deixe seu comentário! Boas compras para todo mundo! ;)