Os bastidores de “A Família Addams”: o figurino, os sapatos e as perucas do musical em cartaz em SP!

ter

Os Addams: Vovó (Iná de Carvalho), Wandinha (Laura Lobo), Tropeço (Rogério Guedes), Gomez (Daniel Boaventura), Morticia (Marisa Orth), Fester (Claudio Galvan) e Feioso (Gustavo Daneluz)
.

O músical “A Família Addams” já recebeu mais de 200 mil espectadores e fica em cartaz no Teatro Abril em São Paulo até o fim de outubro. Antes que a temporada chegue ao fim, o espetáculo abriu as portas dos camarins e recebeu o blog nos bastidores para que eu e você pudéssemos ver todo o figurino bem de pertinho! Antes de fazer essa verdadeira viagem ao universo da peça, você pode reler a resenha do musical aqui; todo o serviço da peça (e dica boa para concorrer a ingressos gratuitos!) você encontra no final do post.

as portas dos camarins!

Quem conduziu quase toda a visita aos bastidores desta superprodução foi a experiente Nena de Castro, supervisora de figurino que já trabalha no Teatro Abril há anos. Ela diz que começou na área colocando a mão na massa mesmo. Até chegar aos musicais incríveis que entram em cartaz todo ano na “nossa Broadway”, Nena trabalhou com costura e depois com figurino para publicidade. Atualmente, no entanto, o caminho está mais curto: “Hoje em dia é mais fácil entrar na área, existem muitos cursos específicos de figurino”, explicou.

Com essa mestra ao meu lado, vi a lavanderia gigante do teatro, olhei de perto o incrível vestido preto e roxo (cheio de truques!) de Mortícia (Marisa Orth), dei um zoom nos acessórios que a gente nem sonha que eles estão usando lá da platéia e, claro!, dei uma espiadinha nos camarins. E tenho que dizer: que CHEIROSO é o cantinho do Daniel Boaventura, o nosso Gomez! 

O FIGURINO

Visitei os camarins do teatro cerca de quatro horas antes do espetáculo e ainda estava tudo uma calmaria só – mas  já tudo devidamente organizado! Os camarins grandes tem a volta toda de bancadas iluminadas para que cada ator possa se maquiar e no centro ficam as araras com o figurino de cada um pendurado e etiquetado. Para fazer toda a mágica acontecer a tempo, os atores chegam duas horas antes da peça já encontram tudo ali no jeito depois do trabalho das camareiras.

Como é de praxe nos musicais da Broadway que estreiam em São Paulo, nada é inventado aqui: todos os figurinos são adaptações fiéis dos originais e muitos tecidos são inclusive importados para que a confecção possa ser feita de acordo com as medidas do elenco aqui no Brasil.

O figurino do elenco principal é incrível, mas quem quiser ver referências além do gótico de Mortícia e Wandinha (Laura Lobo) deve prestar bastante atenção no coro de ancestrais, os fantasmas da peça. Como cada um dos personagens viveu (e morreu) em uma época diferente, cada um ali veste elementos bem diferentes: temos uma dançarina melindrosa dos anos 1920, uma índia americana pré-Guerra Civil, um general com jeitão de quem serviu a Primeira Guerra Mundial, uma dama da corte francesa, uma aeromoça chique à la Pan Am… Enfim, são tantas referências que em alguns personagens nem conseguimos identificar a época, caso da noivinha clássica coberta de renda, mas nada certinha, afinal já está vagando por esta e outras dimensões há muito tempo…
.

a noiva e a aeromoça

detalhes do figurino do Gomez

as quatro trocas de figurino de Wandinha, com direito à mini-jaqueta e vestidos de jacquard.

Só que figurino de teatro não é só bonito, tem também seus truques! Ao puxar uma fita escondida, o vestido decotado de Mortícia vira um curtinho ainda mais sexy para que ela dance um tango sensual com seu amado Gomez. A foto não ficou tão boa porque realmente é preciso ver em alguém vestido, mas quem for assistir à peça vai entender direitinho! ;)
.

.

OS SAPATOS

Sempre tive a curiosidade de saber como eram os sapatos de palco dos grandes musicais. Seriam apenas sapatos tradicionais de dança “transformados” e adaptados de acordo com o figurino? Seriam sapatos normais lindos adaptados para a dança e para o palco? Pois é um pouco dos dois.

Segundo Nena de Castro, musicais muito focados em ballet apenas adaptam os calçados de dança tradicionais para a produção; é o caso, por exemplo, de “O Fantasma da Ópera”. Por outro lado, um musical com um figurino extremamente característico como “A Família Addams” demanda um cuidado bem diferente.

Praticamente todos os calçados usados no espetáculo aqui no Brasil foram feitos pelo designer Fernando Pires, que também mediu cada um dos pés do elenco e criou sapatos a partir dos modelos originais usados na Broadway.
.

as botas lindas da Wandinha

O curioso é que alguns sapatos, como as botas dos fantasmas do coro de ancestrais, tiveram o centro da sola removida, para que o solado ficasse maleável e os dançarinos tivessem os movimentos dos pés mais livres. Mas, ó, não se engane: nossa Mortícia brasileira manda bem mesmo em cima do salto. Não há nada dentro dessa botona dela para aliviar a barra ao longo da sessão! rs
.

os sapatos molengos no meio para os dançarinos do coro se jogarem sem medo!

o teste de maquiagem de Marisa Orth e suas botas absurdas de Morticia Addams

.

OS ACESSÓRIOS

A roupa não faz todo o trabalho sozinha: são mil e um detalhezinhos que garantem um efeito incrível – inclusive o colar da noiva e estes pequenos broches de aranhas que nem quem está na primeira fila consegue enxergar! rs

.

AS PERUCAS

Por último, mas não menos importante, temos aqui uma parte imprescindível do musical: as perucas! Ao contrário do que todo mundo pensa, não é exatamente pela roupa que se começa a produção de adereços de um grande espetáculo como este; começa-se exatamente pelas “cabeleiras”.

Cada uma das perucas é produzida fio a fio com cabelos naturais e a confecção demora cerca de um mês para cada peça. Assim como todos os outros acessórios usados pelo elenco, a peruca também é de uso pessoal e intransferível: a equipe de perucaria mede a cabeça de cada um dos atores (e de seus substitutos!) para que cada um tenha uma peça exclusiva. Já imaginou o trabalho?

Fora isso, as peças merecem cuidados de cabelo de verdade: podem receber penteados, serem escovadas, alisadas ou enroladas, e geralmente são lavadas a cada 15 dias, especialmente quando o papel exige, literalmente, muito suor.

a peruca da noivinha, com mechas pink que se destacam na luz negra, e o cabelão comprido de Mortícia

o penteado impecável da sogra de Wandinha, Alice

escovada básica na peruca de Kauê Braga, um dos integrantes do coro

Depois de maquiados e vestidos, os atores têm o microfone encaixado no topo da cabeça e a peruca fecha a produção com chave de ouro. Daí sim o show pode começar! ;)

.
SERVIÇO

“A Família Addams”
Quintas e Sextas, às 21h; Sábados às 17h e 21h; Domingos, às 16h e 20h
Teatro Abril – Av. Brigadeiro Luís Antônio, 411 – São Paulo, SP
Ingressos online pelo site oficial e sorteios de convites grátis no @t4fmusicais

 .

ps: post gigante e visita incrível! Gostaria de agradecer novamente ao Teatro Abril e a T4F pela oportunidade. Para quem ama teatro, musicais e moda, foi como ir a um parque de diversões. Obrigada!

 

Comentários via Facebook

11 comentários

  1. lii

    que delicia de post *-* cada detalhe é incrivel

    estou louca pra ir assistir, me encantei com musicais depois que vi Mamma Mia

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      lii on 18/09/2012 at 4:49 pm said:

      que delicia de post *-* cada detalhe é incrivel

      estou louca pra ir assistir, me encantei com musicais depois que vi Mamma Mia

      Oi Lii!
      É muito legal mesmo, né? Eu adoro, já assisti vários e é difícil me arrepender. Um que o figurino e a maquiagem eram maravilhosos foi “Cats”. Amei! =)
      Beijo!

      Responder
  2. emily

    deve ser divertidissimo! adorei ver os detalhes dos figurinos! ^^

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      emily on 18/09/2012 at 6:14 pm said:

      deve ser divertidissimo! adorei ver os detalhes dos figurinos! ^^

      É muito bom! O musical tem piadas adaptadas pra gente aqui no Brasil! <3

      Responder
  3. Paloma Martins

    Adorei o post, ver os bastidores e conhecer os detalhes faz a gente ficar mais curioso com a peça ^^

    Responder
    1. Fernanda Pineda

      Paloma Martins on 18/09/2012 at 11:10 pm said:

      Adorei o post, ver os bastidores e conhecer os detalhes faz a gente ficar mais curioso com a peça ^^

      ll Be Quoted Here

      Oi Paloma! :D
      Dá vontade mesmo, né? Vc chegou a ver a resenha da peça? Eu assisti em maio: http://fake-doll.com/2012/05/02/eu-vi-musical-a-familia-addams-em-sao-paulo/ ! :D

      Responder
  4. Josué

    Tudo!
    Quero ir!

    Responder
  5. Gabee

    Este Feioso (da foto) não é o Gustavo Daneluz, é o Nicholas Torres.

    Responder
  6. MARIA EDUARDA

    O DA WANDINHA NÃO TEM NADA A VER!!!

    Responder
  7. - Bastidores « Na Broadway

Deixe seu comentário