Eu vi: musical “A Família Addams” em São Paulo

qua

Os ingressos para assistir o musical foram gentilmente cedidos pela Renault, uma das empresas que apóia o espetáculo. Obrigada!

.

Marisa Orth e Daniel Boaventura: o casal Mortícia e Gomez em ação

Depois de estrear na Broadway em 2010 e sofrer algumas alterações no enredo (cerca de meia hora de peça foi cortada), o musical “A Família Addams” ganhou sua primeira versão estrangeira aqui, no Brasil.

A trama traz todos os personagens macabros e divertidos que a gente já conhece da TV e do cinema e conta uma história diferente: Wandinha está apaixonada e quer se casar. E é claro que o pretendente da herdeira das trevas é um rapazinho normal com uma família conservadora normal.

A história é super divertida e é uma das primeiras vezes em que sinto um musical realmente fazer esforço para se aproximar do público brasileiro. Como o espetáculo é de comédia e traz referências locais no texto original, a produção teve de adaptar e inserir piadas locais para tudo fazer sentido. A intervenção foi realmente muito bem vinda e o resultado é visível nos textos do patriarca Gomez (Daniel Boaventura), da Vovó (Iná de Carvalho) e de Fester (Claudio Galvan).

.

o jantar em que as duas famílias se conhecem

Os três atores, aliás, estão excelentes em cena, com destaque especialmente para Daniel Boaventura, um dos poucos globais que manda bem em todos os terrenos. Daniel conseguiu provar de uma vez por todas que é um ator completo: canta, dança e ainda tem um timing sensacional para a comédia. Por outro lado, quem deixa um pouco a desejar em cena é Marisa Orth.

Apesar de ter o físico e o timbre de voz perfeito para interpretar Mortícia, a atriz parecia pouco à vontade; insegura, talvez. Seus momentos de brilho acontecem quando a música e a dança são dispensadas e seu excelente timing de comédia vem à tona. Como a trama prioriza o personagem de Gomez e, obviamente, a personagem de Wandinha (Laura Lobo), a situação de fato não é um problema.

Por fim, duas menções honrosas: Laura Lobo está excelente no papel da futura noiva e não há como não ficar na torcida pelo sucesso do jovem ator que vive Feioso. Gustavo Daneluz preenche muito bem o palco em sua canção solo e logo mais estreia o remake da novela “Carrossel” no SBT. Promessa, hein? ;)
.

Para sentir o clima da peça, dá o play na música de abertura “Para Quem é Addams”:

.

SERVIÇO:

“A Família Addams” – O Musical
Sessõs de quinta e sexta às 21h, sábados às 17h e 21h e domingos às 16h e 20h
Teatro Abril – Av. Brigadeiro Luís Antônio, 411
Ingressos de R$70 a R$230 à venda na Tickets For Fun

.

Comentários via Facebook

5 comentários

  1. Tati Lopatiuk

    Ai, o Daniel Boaventura… No que será que ele não é bom? Ele é perfeito, gente! <3

    Responder
  2. Priscila Dal Ponte

    *.*
    Deve ser perfeito!!!
    Queria muito ir ver, mas eu moro no Rio Grande do Sul!
    ¬¬

    Responder
  3. Fernando

    Em vídeos do you tube li comentário de gente ( e pelo que disse no teatro houveram outras) que se sentiu enganado porque pegou sessão com a atriz alternante no lugar de Marisa, Sara Sarres… que tendo no curriculo a personagem Christine de O Fantasma da Ópera e ao ser mais experiente nesse tipo de obra, com certeza deve ser melhor, na minha opinião, claro.

    Eu tive a oportunidade de ver com a Marisa, mas me surpreendi mesmo foi com o D. Boaventura. Eu o vi no musical A Bela e a Fera, e lembro o quanto era bom em cena, mas o cara está fantástico em A Familia Addams e rouba a atenção.

    Pelo visto muitos vão esperando ver a”magda”, e esquecem que se trata de uma superpodução da Broadway como um todo e que há outros grandes talentos no palco. Uma pena.

    Agora estou mesmo é louco pra ver o resultado da versão brasileira de O Rei Leão em março do ano que vem no Abril. Não vejo a hora.

    Responder
  4. Elizangela

    Olá!
    Assisti o musical e achei a Marisa ótima. Talvez, vc não tenha assistido num bom dia!

    Todos do elenco arrasam e eu vou assistir mais uma vez!

    Abraços e parabéns pelo blog!

    Responder
  5. Gabee

    Este Feioso (da foto) não é o Gustavo Daneluz, é o Nicholas Torres :D

    Responder

Deixe seu comentário