Só perdi minha escova de dentes, mas ralei o carro.

sex

Minha mãe é dentista, portanto este título já é uma afronta. Desculpa, mãe. E eu espero que você tenha desistido de vez de ler o blog sempre ou pelo menos tenha parado de indicar para conhecidos que possam me cagüetar. Mentira, conhecidos! Continuem entrando, só não me cagüetem nunca, ok?

O trabalho está me fazendo adquirir o péssimo hábito de comer sobremesa, justo eu, uma pessoa capaz de abdicar de uma gorda e suculenta fatia de torta de chocolate em prol de um cafézinho esperto e espresso. Canso de fazer isso, e sei que todo o açúcar do mundo numa colher não me fará engordar o mesmo tanto que a tortinha faria. E aí que aqui no trabalho novo tem uma entidade móvel: “o Carrinho”.

Nós não temos um refeitório ou uma lanchonete dentro do prédio, portanto, para facilitar as coisas,  o Carrinho passa em determinados períodos de tempo oferecendo toda sorte de guloseimas xuxu beleza para nos fazermos engordar e não precisarmos nem largar o sedentarismo de nossas cadeiras. E aí, dona Maria, aí que eu fico aqui no trampo até dez da noite e a larica aperta forte, não é suave, não. Logo, aproveito-me de ensinamentos de vida saudável de todos os lugares do mundo e obviamente como à tarde, porque dizem os especialistas que longos intervalos de tempo sem comer te engordam ainda mais (é, parece que seu corpo fica achando que você está numa situação no limite e começa a poupar calorias para te manter vivo enquanto um olhinho de cabra saboroso não vem).

Depois de passar uns dez dias devorando todos os sabores de barrinhas de cereais, eu enjoei. Enjôo rápido e agora eu só consigo ser trash, o que me obriga a fazer o sacrifício de comer fatias de bolos deliciosos com sabores variados servidos pelo Carrinho. Todo dia é um sabor diferente, e eu só não como quando é de fubá com goiabada porque sei que o de cenoura com chocolate ou o de prestigio são muito melhores. E convenhamos que bolinhos são menos trash que palha italiana todo dia. C’est la vie.

Depois disso eu vou escovar os dentes voando. Mais que uma questão de higiene, é uma questão de tirar o gostinho bão da boca, porque por quanto mais tempo você fica com aquele nhami nhami  na língua, mais fome você terá dali há algumas horas. Acredite e faça o teste.

Aí eu fui tirar o nhami nhami ontem e descobri que minha escova de dentes não estava na necessaire. Fiquei pensando onde raios ela estaria, já que ela se presta única e exclusivamente a remover os nhamis no trabalho. Nisso, olhei adiante na pia e avistei uma escova parecida com a minha.

Não falo que é igual porque seria exagerar na minha memória visual, mas era bastante parecida. Eu precisava tirar aquele bolo prestígio de mim e precisava da escova ali, agora. Fechei os olhos e rezei para ser a minha escova.  Medo de cáries? Eu, não. Medo de gripe suína? Pois, sim.

Enfiei a malditinha na necessaire e saí de fininho. Aguardei o resto do dia pra saber se alguém teria perdido uma escova de dentes. Não ouvi nada.

Mais tarde, em casa, chego naquele momento em que a fome está apertadinha, mas já está tão tarde que você simplesmente não é capaz de cometer algum crime de gulodice. Você só tem desejo de ir dormir. Sendo assim, janto um prato modesto de comida, ou troco por uma sopinha, ou iogurte com frutas, ou sei lá o que.

No dia seguinte, nada de comentarem sobre a escova. No banheiro, tudo normal. É, era minha mesmo. E esta pessoa que vos fala, que conseguiu esquecer uma escova de dentes em cima da pia, voltar no banheiro diversas vezes ao dia e ainda assim não se tocar dela ali, perdida, também está tão zureta que ralou seu carro novo numa bobagem e chorou compulsivamente de raiva.

Acho que nem se eu tivesse pegado gripe suína por uma desatenção de escova de dentes eu estaria tão irada comigo mesma quanto estou agora, que tenho manchas brancas num carro chumbo por mera desatenção de quem chega em casa e só pensa em ir dormir.

E ah, nem pensem em cagüetar pra mamãe que eu ralei o carro: ela simplesmente estava na garagem e acompanhou tudo ao vivo.

 
ps: sim, esse post serve para contar bastidores do meu emprego novo, para justificar porque estou postando menos, para contar que eu troquei de carro (!) e para contar que eu só consigo e só penso e desejo dormir. Muito. E em seguida, quero ir ao cinema ver trocentos filmes atrasados, mas a cama anda muito mais forte que eu.

Comentários via Facebook

10 comentários

  1. Yara

    Você não está só no Universo. Ralei meu carro novo também, não a lataria, mas a roda linda de liga leve. E nem foi em casa, foi na rua, quando encostei para dar passagem a um homem bundão em outro carro que nem sabe dar preferência a mulheres. Mil ódios daquela guia maldita, logo minha roda tão linda. Droga. Mil vezes droga.

    Responder
  2. fernanda

    Que legal ter uma mae dentista!
    Sonhava com essa profissão, mas tive que desistir e fazer o que ne!
    Vc ta no corre,corre ne? melhor assim do que fazer nada!!
    BJAO AMIGA!

    Responder
  3. Fernanda

    Yara on 28/08/2009 at 1:54 pm said:

    Você não está só no Universo. Ralei meu carro novo também, não a lataria, mas a roda linda de liga leve. E nem foi em casa, foi na rua, quando encostei para dar passagem a um homem bundão em outro carro que nem sabe dar preferência a mulheres. Mil ódios daquela guia maldita, logo minha roda tão linda. Droga. Mil vezes droga.

    ai tadinha! :(( Eu ralei a lateral do meu no portão da garagem, não foi nem manobrando. grr

    Responder
  4. Fernanda

    fernanda on 28/08/2009 at 1:58 pm said:

    Que legal ter uma mae dentista!
    Sonhava com essa profissão, mas tive que desistir e fazer o que ne!
    Vc ta no corre,corre ne? melhor assim do que fazer nada!!
    BJAO AMIGA!

    hahaha realmente! :)
    eu tava morrendo de tédio antes, agora tô morrendo de sono! HAHAHA

    Responder
  5. bel

    olha, eu ralei meu carro na garagem do prédio também. ralei e amassei a lateral. chorei horrores e as machas brancas tão lá até hoje pra eu não esquecer de prestar atenção quando dirijo em espaços pequenos. :P

    Responder
  6. Ju Mary

    ah, fê, minha mãe é dentista tb!
    eu tenho duas escovas de dentes aqui: uma que sempre fica na bolsa e outra na gaveta do trabalho. huahauhauaa… entendo totalmente o que é isso! :D

    Responder
  7. Andréia

    Se eu tivesse uma mãe dentista, com certeza meu teste alérgico para ledocaína e cotosol gel já teria sido feito! =P Enfim… hahaha

    Nem me fale em sono, por favor. Dizem que quem trabalha com comunicação não deve sentir sono. Será que a gente escolheu a profissão errada, ora pois?

    Responder
  8. Fernanda

    Andréia on 28/08/2009 at 9:00 pm said:

    Se eu tivesse uma mãe dentista, com certeza meu teste alérgico para ledocaína e cotosol gel já teria sido feito! =P Enfim… hahaha

    Nem me fale em sono, por favor. Dizem que quem trabalha com comunicação não deve sentir sono. Será que a gente escolheu a profissão errada, ora pois?

    ih! Relaxa, eu também não sei se sou alérgica a cotosol, apesar de que acho que já “testei” ledocaína. heuiahuis 8)

    E enfim,né? Sabe aquelas pessoas que viram noites, vão pra baladaloca depois do trabalho e chegam na faculdade “bombaaando”? Então, eu não sou essa pessoa. Não entendo nem compreendo como conseguem! hehehe

    Responder
  9. Ana Cecilia Pereira

    Ai, rasppei a porta do carro semana passada entrando na garagem. Raiva, raiva, raiva. Não chorei porque arrumei forças do além, só pode. Mas fiquei a semana inteira morrendo de raiva.

    Adoro esses carrinhos de doces! hahaha Quer dizer, não devemos adorar, né? Mas já me deu vontade de pedir pudim de chocolate!

    Responder
  10. Sonia

    aí Fefe..rs não precisou ninguem caguetar, passei por aqui, assim por acaso. Escovas… que história fantástica (vc ja assistiu discovery healph falando das bacteiras do banheiro que invadem nossas escovas?)vc esqueceria rapidinho o gostinho doce da tortinha, lavaria a escova com cândida ou dakin ou no minimo H2O2, certo? Deixe escovas de reserva no carro, na bolsa, na gaveta. Quanto as raladas chega né:lateral, frente-verso, roda, rsss já bateu todos os recordes! Tudo de conserto, bjs tamadg

    Responder

Deixe seu comentário