Coisas pra entender

qua

5 Coisas que eu não entendo:
– a previsão do tempo;
– meu horóscopo;
– TPM;
– as correrias repentinas da minha gata (injeção invisível de café na veia?);
conhecidos meus que entram nesse blog e nunca se manifestam (e não são poucos!).


5 coisas que eu gostaria de entender:

– os homens;
– o filme “Persona”, do Bergman (tá, isso não é uma prioridade);
porque as mamães demoram pra se tocar que os filhos crescem e passam também a chegar estressados do trabalho, da rua e de fucking anywhere, principalmente depois de passar duas horas “a caminho” de casa (drama do dia);
uma pessoa no 3º ano da faculdade que não tenha estagiado e se sinta tranqüila assim;
– o joguinho da conquista. Eu não sei.

5 coisas que nem eu e nem ninguém entende:
– o trânsito de São Paulo em dia de chuva;
– porque o ser humano é burro e só se toca depois que perde;
– lei de Murphy (ou encosto, pra mim, tantufas);
– a burrice da polícia estrangeira-de-primeiro-mundo, que parece apontar suspeitos de forma aleatória;
– a velocidade com que o tempo passa. E ela é sempre a mesma. (mas eu juro que queria um dia de 40 horas, e, na atual circunstância, usaria 20 só pra dormir)

Não vou falar da Isabela, apesar da “coisa que ninguém entende” da semana ser “como um pai pode ser capaz disso?” e etc. Odeio super-exposição de casos como esse na mídia e tá aí uma parte da comunicação que me repudia.

Comentários via Facebook

Deixe seu comentário